Quarta-feira , Setembro 18 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / Craig Breen vence em casa (por Ricardo Nascimento)
Craig Breen vence em casa (por Ricardo Nascimento)

Craig Breen vence em casa (por Ricardo Nascimento)

Com temperaturas a rondar os 4°C no inicio da manhã, muita lama nos troços e algum granizo durante a tarde, o derradeiro dia do Circuit of Ireland foi muito disputado na luta pela vitória.

Craig Breen perdeu alguns segundos durante a manhã, por não ter escolhido a melhor opção de pneus, reduzindo assim a vantagem do dia anterior de 25,1s para 10,4s. À tarde, o irlandês começou a recuperar, voltou a perder cerca de 7 segundos na especial seguinte com um pneu furado, mas respondeu no penúltimo troço e conseguiu obter a segunda vitória consecutiva no Circuit of Ireland.Kajetan Kajetanowicz fez uma boa recuperação, depois de ter sido ele ontem a escolher mal os pneus, mas o polaco não conseguiu derrotar o piloto local nas difíceis e traiçoeiras condições em que se encontravam os troços irlandeses, voltando a terminar em segundo na presente temporada, mas passou a ser o novo líder do campeonato.

Alastair Fisher preferiu manter o bom ritmo e esperar por algo à sua frente, não arriscando em demasia para não deitar por terra o excelente terceiro lugar que foi brilhante para as contas doscampeonato irlandês e britânico.

Martin McCormark manteve a quarta posição durante as duas primeiras especiais, mas viria a ficar parado com problemas no Fabia S2000 durante a terceira especial do dia, acabando desta forma o excelente rally que vinha a fazer.

Josh Moffett aproveitou a pouca sorte de McCormack para subir à quarta posição e manter-se assim até ao fim e fazer a parte do final do rally com mais calma, especialmente depois de ter passado pelo carro batido do seu irmão Sam.

Jaromír Tarabus manteve a quinta posição durante todo o dia, mas na derradeira especial, o Fabia R5 ficou sem travões e o piloto checo acabou o rally nos últimos lugares da classificação.

Fredrik Åhlin estava em luta direta com Greer e Bogie pela sexta posição, mas o sueco ficou parado com um braço da direção partido no final da manhã.

Jonathan Greer melhorou muito durante a tarde, beneficiou de problemas alheios, mas garantiu um bom quinto lugar final que foi excelente para as contas do seu campeonato.

David Bogie perdeu uma posição para Greer com uma saída de estrada na primeira curva da primeira especial do dia e depois nunca acertou com os melhores pneus, terminando na sexta posição a quase 50 segundos de Jonathan Greer.

Stephen Wright, Tom Cave, Joseph McGonigle e Jarosław Kołtun, terminaram nos restantes lugares pontuáveis, ao beneficiarem das várias desistências dos pilotos do top 10, mas destes quatro pilotos, o destaque vai para a luta entre Wright e Cave que durou quase até ao final.

Wojciech Chuchała é um sério candidato a ser campeão no ERC2, se não aparecer concorrência à altura deste excelente piloto polaco que voltou a dominar a categoria e terminar a 4,5s da décima posição.

Marijan Griebel perdeu quatro posições na segunda especial do dia com um pneu furado, deixando o caminho livre ao polaco Łukasz Pieniążek para obter a primeira vitória no ERC Júnior.

Chris Ingram esteve hoje muito mais confiante no seu novo carro e conseguiu pressionar Pieniążek até ao final do rally, garantindo assim a segunda posição entre os júniores e no ERC3.

Marijan Griebel recuperou bastante após o furo, conseguindo passar à frente de Nikolay Gryazin e ainda terminar a 5 segundos de Ingram.

Renato Pita perdeu uma posição para László Német, mas obteve bons pontos com a sexta posição no ERC3, na estreia com o Fiesta R2T.

Marco Cid não foi além da décima posição no ERC3, mas marcou os pontos da sétima e última posição entre os pilotos do JERC.

VENCEDORES DE TROÇOS:
Elfyn Evans (5); Kajetan Kajetanowicz (4); Craig Breen (4); Alastair Fisher (1)
LÍDERES DO RALLY:
Elfyn Evans (SS1); Craig Breen (SS2 a 14)
PRINCIPAIS ABANDONOS:
4 Alexey Lukyanuk / Alexey Arnautov (RUS) Ford Fiesta R5 (acidente nos testes)
5 Keith Cronin / Mikie Galvin (IRL) Citroën DS3 R5 (acidente na SS1)
8 Robert Consani / Renaud Jamoul (FRA/BEL) Citroën DS3 R5 (caixa de velocid. após SS1)
2 Elfyn Evans / Craig Parry (GBR) Ford Fiesta R5 (apoio de correia na SS3) rally2
19 Federico Della Casa / Domenico Pozzi (CHE/ITA) Citroën DS3 R5 (acidente na SS3)
31 Steve Røkland / Patrik Barth (NOR/SWE) Peugeot 208 R2 (acidente na SS3)
33 Julius Tannert / Jennifer Thielen (DEU/LUX) Opel Adam R2 (acidente na SS5) rally2
40 Max Vatanen / Jacques-Julien Renucci (FIN/FRA) Ford Fiesta R5 (pressão de óleo na SS7)
16 Martin McCormark / David Moynihan (GBR/IRL) Skoda Fabia S2000 (avaria na SS9)
41 Sam Moffett / Karl Atkinson (IRL) Ford Fiesta R5 (acidente na SS9)
9 Fredrik Åhlin / Morten Erik Abrahamsen (SWE/NOR) Ford Fiesta R5 (braço da direção na SS10)
dia 2

 

Scroll To Top