Quarta-feira , Novembro 25 2020
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / CRN Competition em destaque na Ferraria
CRN Competition em destaque na Ferraria

CRN Competition em destaque na Ferraria

Pilotos da equipa averbaram um 2º e dois 4º lugares

A equipa CRN Competition esteve em destaque na sexta e penúltima jornada do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno que se disputou em pistas alentejanas, mais precisamente no Gavião. A equipa que desta vez já pode contar com os seus dois pilotos que se preparam para o Dakar 2017 – Fausto Mota e Rui Oliveira – inscreveu também António Pereira e Luis Albuquerque.
Rui Oliveira regressou às competições depois da lesão sofrida na sequência da queda na Baja de Aragón e recomeçou agora a andar de moto, tendo aproveitado para o fazer em ambiente de corrida. O piloto optou, todavia, por fazer apenas a 2ª etapa e desta cumpriu apenas duas das três voltas previstas ao traçado de 66 quilómetros.
“Foi bom sentir-me em condições de voltar a competir e nesse aspeto fiquei bastante satisfeito porque não tive dores, nem senti quaisquer dificuldades do ponto de vista físico. Por outro lado, o facto de ter partido da última posição por não ter disputado a primeira etapa, obrigou-me a rolar praticamente sempre no pó. Havia alturas em que não se via nada. Parei imensas vezes antes de poder retomar a corrida. Mas, independentemente disso, senti-me pouco confortável na mota e com uma grande falta de confiança, que seguramente virá quando fizer mais quilómetros. Vai ser essa a minha meta para as próximas semanas”, salientou Rui Oliveira no final da corrida.
Fausto Mota, atual campeão da Classe TT3 e que juntamente com Rui Oliveira se prepara para participar na próxima edição do Rali Dakar teve, no Raid TT da Ferraria, uma experiência nova já que pilotou uma Yamaha WR 250 inscrita na Classe TT1 destinada a motos de menor cilindrada.
“É uma moto muito engraçada. Foi difícil encontrar a melhor forma para andar com a caixa porque é totalmente diferente da outra que tem muito mais motor: Nesta tem de se estar mais em cima. Mas foi muito engraçado. Foi uma corrida em que estivemos todo o dia no pó. O importante é que não me magoei e continuo a fazer quilómetros. Andei rápido, mas sem cometer erros, nem excessos, para não me magoar”, salientou o piloto de Marco de Canavezes que terminou na 4ª posição da Classe TT1.
António Pereira que tem estado a fazer uma excelente temporada voltou a ser um dos mais rápidos da Classe TT2, arrecadando mais uma 2ª posição e terminou o rali no 6º lugar absoluto. Já Luís Albuquerque foi o 4º classificado no evento destinado aos pilotos Hobby.
As próximas participações dos pilotos da equipa CRN Competition serão no R3 Mação, a 1º etapa do Troféu de Navegação TT que de disputa nos dias 14, 15 e 16 de outubro, a anteceder a 30ª edição da Baja 500 Portalegre que terá lugar a 27, 28 e 29 de outubro.

 

Scroll To Top