Segunda-feira , Março 18 2019
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / CSS com desafio de resistência no Estoril
CSS com desafio de resistência no Estoril

CSS com desafio de resistência no Estoril

 

 

  • Quase tudo por decidir na corrida final
  • 2017 termina com a prova mais longa do ano
  • Três dezenas de carros do Grupo 1 preenchem a grelha
  • Forte presença Datsun com cinco exemplares presentes

 

As animadas e variadas corridas de CSS Group 1b estão de volta aos grandes desafios de resistência. Depois de uma época intensa e cheia de episódios que ficam na memória de quem os viveu, a competição prepara-se para fechar as portas de 2017 com mais um grande evento. No Estoril, 30 equipas juntam-se para discutir as melhores posições numa corrida de resistência que vai encerrar o programa competitivo do fim-de-semana.

 

Com várias “guerras” por decidir nas categorias desta competição, não há corridas a feijões. Quem chega ao Estoril sabe que terá de dar o máximo que quiser alcançar um resultado de acordo com as expectativas. O plantel, rico e variado, tem nos Ford Escort e nos Volkswagen os modelos mais rápidos. Será, em teoria, entre eles que se discutem os lugares da frente. Mas neste tipo de provas, é preciso estar atento a todo o tipo de discussões, da frente até ao final da grelha.

 

Neste particular, há muitas contas para fazer. Na categoria dos H81-2000, Carlos Dias Pedro comanda com o Ford Escort RS 2000. Tem 100 pontos, mais 24 do que Hugo Nazário, que corre com um Porsche 924. Nos H81-1600, a discussão entre os Volkswagen Golf GTi é intensa. Rafael Cerveira Pinto chega ao Estoril na frente com 101. Mas não pode descansar. Tem Manuel Cabral Menezes logo atrás, com apenas menos cinco pontos do que o seu rival.

 

Destaque para a forte representação da marca japonesa, Datsun, que se apresenta com cinco modelos. Além destes, há ainda dois Porsche, dois Jaguar que se distinguem, entre outros aspectos, pela muita cilindrada dos seus motores, entre outros modelos que não passam sem chamar a atenção.

 

A competição tem início no sábado, com a sessão de qualificação. No domingo está reservada a derradeira corrida de 2017 que dá por terminada a festa. Será um desafio longo, de resistência, com duas horas de duração.

 

“O formato desta competição tem atraído apaixonados pela modalidade que, com modelos em que a política de custos controlados impera, adoram correr. Ao longo desta temporada, com a introdução de algumas alterações, sentimos uma maior receptividade por parte de todos, em particular dos participantes. Isso fez com que as grelhas crescessem, como é a prova da última jornada, em que temos 30 carros”, afirmou Diogo Ferrão, responsável pela organização do CSS Group 1b.

 

Programa CSS Group 1b – Estoril

Sábado, dia 11 de novembro de 2017

8h35 – 9h35 – Qualificação

Domingo, dia 12 de novembro de 2017

15h15 – 17h15 – Corrida de resistência

 

Scroll To Top