Domingo , Julho 12 2020
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Elisabete Jacinto em segundo à frente de dois KAMAZ
Elisabete Jacinto em segundo à frente de dois KAMAZ

Elisabete Jacinto em segundo à frente de dois KAMAZ

A piloto Elisabete Jacinto continua a destacar-se nas difíceis etapas da Mauritânia deste Africa Eco Race 2015. Hoje, na especial que ligou Azougui a Akjout, a portuguesa alcançou o segundo lugar da categoria camião sendo mais rápida que os dois pilotos dos potentes camiões da equipa Kamaz.
O difícil percurso desta nona jornada, que foi novamente composto por muitas pistas de areia e de dunas, não impediu a equipa OLEOBAN® de alcançar mais um excelente resultado. Só o checo Tomas Tomecek (em TATRA) conseguiu bater o trio composto por Elisabete Jacinto, José Marques e Marco Cochinho. O piloto do TATRA gastou apenas menos cinco minutos a cumprir o setor seletivo de 366 quilómetros que os portugueses. A formação lusa registou ainda o quinto melhor tempo da classificação conjunta auto/camião.
Elisabete Jacinto cumpriu a especial de hoje em 4h31m27s e mostrou-se satisfeita com o resultado obtido: “foi uma especial muito bonita, menos dura e mais rápida que em anos anteriores. Ainda assim, tivemos algumas passagens de dunas bastante difíceis. No entanto, não tivemos problemas de maior e viemos sempre a dar o nosso máximo. Conseguimos imprimir um andamento bastante rápido e eficaz e já na parte final do percurso tivemos uma disputa bastante acesa com o Tomecek. Andámos uma série de tempo a discutir o primeiro lugar com a equipa do TATRA, mas eles conseguiram depois ser mais rápidos que nós e passaram para a frente. De uma forma geral foi um dia muito positivo. A nossa intenção é continuar a gerir bem as etapas e fazer boas classificações. Felizmente temos conseguido ultrapassar todos os problemas que têm surgido e os resultados estão à vista”, contou Elisabete Jacinto.
Disputa-se amanhã a décima especial do Africa Eco Race que vai ligar Akjout a Toueila. A penúltima etapa cumprida na Mauritânia será composta por 342 quilómetros cronometrados num dia em que os concorrentes terão que transpor, no período da manhã, uma passagem de dunas enormes as quais não deixarão ninguém indiferente. Por fim, segue-se uma pista estreita e sinuosa que vai serpentear por entre a densa vegetação.

 

Scroll To Top