Sábado , Junho 6 2020
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / ESTORIL DECIDE CAMPEONATOS E PROMETE UMA GRANDE ANIMAÇÃO EM PISTA
ESTORIL DECIDE CAMPEONATOS E PROMETE UMA GRANDE ANIMAÇÃO EM PISTA

ESTORIL DECIDE CAMPEONATOS E PROMETE UMA GRANDE ANIMAÇÃO EM PISTA

 

 

O Autódromo Estoril, vai receber no próximo fim de semana, as últimas corridas integradas no Campeonato Nacional de Velocidade e Campeonato Nacional Clássicos de Velocidade, com a responsabilidade da decisão dos títulos e quase todas as categorias, o que antecipa o interesse de um evento, por certo marcante no panorama nacional de velocidade em 2014.

 

Com um completíssimo programa, o Estoril Racing Weekend representa para muitos dos participantes, a confirmação das suas apostas nas respetivas categorias em 2014, com a luta pelos diversos títulos a manter-se ao rubro, até ao cortar da meta, na derradeira corrida.

 

No que respeita ao Campeonato Nacional de Velocidade, duas equipas estão em boa posição para vencer; Miguel Barbosa / José Pedro Fontes – que comandam com 161 pontos e Carlos Vieira / Pedro Salvador, que estão na segunda posição a oito pontos dos líderes… em 50 possíveis. Oito pontos que podem ser determinantes ou não para a atribuição dos títulos, se pensarmos que um primeiro lugar vale 25 pontos e um segundo 18 – sete pontos de diferença… com o terceiro já a perder 10 pontos para o vencedor…Contas difíceis para as equipas e ao que parece, para todos a maior defesa vai ser… o ataque, até porque nas contas ainda se pode misturar Stefano de Val – 147 pontos – que matematicamente também ainda pode ser Vencedor do CNV – não Campeão, pois não tem licença desportiva nacional – e mais do que isso pode baralhar as contas dos outros candidatos ao título.

 

Mais do que razões para que não devamos perder esta luta a três, que será por certo um dos aliciantes do fim de semana, marcado ainda pelas corridas de clássicos – campeonatos e troféus – e pelo Challenge Desafio único e Troféu Abarth 500.

 

Entre os Clássicos com mais de 1300 cc, entre os H71, a luta cinge-se a Filipe Matias e Francisco Pinto, os únicos ainda em condições de discutir o título; Rui Costa e João Macedo e Silva, estão na disputa pelo título da Categoria 3 – H75 e entre os H71, Kiko Mora faz a sua prova de consagração, pois já é campeão virtual da categoria.

 

Nos 1300, classe H71, Arnaldo Marques já tem o título entre os H71, restando a luta pelo segundo lugar, entre nada menos do que cinco piloto; Mota Freitas, Pedro Peixoto, José Nogueira, Luis Losada e Bruno Pires; Na categoria 3, José Fafiães e Vitor Araújo estão na luta pelo título e sem opositores, Pedro Gaspar já tem o título da Categoria 4 – H81.

 

Entre os Legends Cup, Kiko Mora e Luis Barros já são campeões nas respetivas categorias, mas Sergio Pinto e Luis Sousa, ainda discutem a conquista do ceptro dos LCC 99, tal como Paulo Mendes e Rita Azevedo entre os 1300.

 

Nos Super Stock, tudo ainda está muito mal definido, pois faltam ainda três provas, sendo que esta é a intermédia e para já apresenta um verdadeiro recorde de inscrições (25) o que diz bem dos progressos que tem apresentado esta categoria.

 

Rui Castro, José Arantes e Luís Costa, discutem as posições cimeiras na categoria C2 e Antonio Veiga Lopes está sozinho na C3; João Andrade e João Carlos Andrade, comandam ex-áqueo, a categoria C4 e a grande luta está entre os C2, com nada menos do que cinco pilotos empatados no primeiro lugar; Paulo Sousa, Renata Parente, João Ribeiro e Miguel Ribeiro.

 

Na classe D4 dos CSS, Paulo Duarte comanda, com 17 pontos de vantagem sobre Rafael Pinto, aparecendo Rui Moura no terceiro lugar. Uma categoria em que ainda há muito para discutir, tal como nos E3 em que Manuel oliveira comanda com 36,5 pontos, mais 24,5 do que o sexto classificado, Francisco Calheiros, com José Amaral, Alexandre Nogueira, Jorge Leite e Jorge Santos, nas posições intermédias. Finalmente e sem adversários, estão Rui Azevedo na E4, Manuel Menezes na E3 e José Mota na F4.

 

O Single Seaters são uma competição com cada vez mais adeptos, que estará no Estoril igualmente com um recorde de inscritos, nada menos do que 22 pilotos aos comandos de bonitos fórmulas de outros tempos.

 

Entre os Super 7, Tiago Raposo Magalhães comanda a classe FZ, com 33 pontos de vantagem sobre Gonçalo Inácio e a luta entre os dois afigura-se interessante no Estoril. Fernando Gaspar está confortavelmente à frente na FK80 – 133p contra 63 de Jaime Juriol – e na FK80, Vitor Rodrigues tem apenas 19 pontos de vantagem sobre João Matos, pelo que será igualmente interessante verificar o desenvolvimento das coisas nessa categoria.

 

Pedro Charais lidera a FVP, Manuel Mello Breyner a Super Tuga e a Vauxhall Jr 8v tem Eduardo Bianchi de Aguiar na frente, sendo classes habitualmente recheadas de carros vistosos, que irão por certo animar o pelotão.

 

Serão 13 os pilotos presentes no Estoril, para disputarem o penúltimo conjunto de corridas dos Super 7 by Kia e a luta está ao rubro entre os da frente, depois das magníficas corridas a que assistimos no último Algarve Racing Weekend; Gonçalo Lobo do Vale está no comando, seguido de muito perto por Nuno Santos, Ricardo Megre, Hugo Araujo, Manuel/Nuno Caetano e Duarte Lisboa, com os quais se conta de novo para elevar ao máximo as emoções de todos os presentes.

 

A lista do Troféu Abarth 500, inclui 13 participantes e tudo está em aberto para a discussão do título final, entre Francisco Carvalho e Nuno Cardoso, ao passo que no Challenge Desafio Único se prevê igualmente uma excelente luta, entre os 25  concorrentes presentes no FEUP 2 e FEUP 3, na competição mais jovem das pistas nacionais.

 

Todos ao Estoril no próximo fim de semana; paddock animado à volta da Praça da Restauração e muita competição. Não falte!

 

Scroll To Top