Quinta-feira , Abril 18 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / EXCELENTE, A FINAL DA SUPER 1600, COM GONÇALVES A VENCER (por Rodrigo Vasconcelos)
EXCELENTE, A FINAL DA SUPER 1600, COM GONÇALVES A VENCER (por Rodrigo Vasconcelos)

EXCELENTE, A FINAL DA SUPER 1600, COM GONÇALVES A VENCER (por Rodrigo Vasconcelos)

Mais uma vez a categoria Super 1600, foi a mais competitiva com qualificações e uma final de forte espetáculo. A vitória foi de Bruno Gonçalves, mas todos os participantes demonstram ter argumentos para vencer.
Na Super 1600, os treinos decorreram como é habitual. Muita luta, muita garra e diferenças mínimas, entre todos. Entre o primeiro e o último, a diferença foi inferior a 7 décimos de segundo. Impressionante.
Após as duas sessões de treinos, Bruno Gonçalves, com o Citroën Saxo Kit-car, encabeçava a classificação. Seguiam-se Pedro Almeida, Peugeot 206 S1600, Hélder Ribeiro, Citroën C2, Pedro Ribeiro, Peugeot 206, e Hugo Lopes, Citroën Saxo Kit-Car.
Primeira corrida e Pedro Almeida não arranca. O motor cala-se, e valeu a “ajuda” da descida para o por a trabalhar.
A vitória é de Hélder Ribeiro, seguido de Pedro Ribeiro, Hugo Lopes, Bruno Gonçalves e Pedro Almeida.
Segunda corrida, com Almeida a ganhar. Hélder é segundo, seguido de Gonçalves e Pedro Ribeiro. O azar bate à porta de Hugo Lopes, que esta temporada bem parece ter de ir à bruxa. Problemas mecânicos, levam-no a parar antes de completar a terceira volta e a sua prova termina por aí.
Falta a terceira corrida, para se saber como ficaria a grelha de partida para a final.
Nova vitória de Pedro Almeida, desta vez com Bruno Gonçalves no segundo lugar. Hélder Ribeiro e Pedro Ribeiro, são os terceiro e quarto classificados.
Hélder fica com a pole, mas escolhe partir da esquerda, para entrar na Joker, logo a seguir ao arranque. Pedro Almeida, que tinha o meio, opta pelo lugar da pole. Bruno Gonçalves fica entre os dois. Na segunda linha, está Pedro Ribeiro, com Hugo Lopes, como antes referimos, a não alinhar.
Quem melhor arranca é Bruno Gonçalves. Hélder Ribeiro, entra no percurso alternativo. Na frente Bruno lidera, com Almeida na sua traseira. Há que aguardar que todos passem pela Joker, para se saber quem ficará na frente. O último a por lá passar, é Pedro Ribeiro. Foi líder, mas passou para quarto, depois de cumprir a volta mais longa. Quem fica na frente é Bruno Gonçalves, seguido de Hélder Ribeiro, Pedro Almeida e, um pouco mais atrás, Pedro Ribeiro.
Foi uma final de grande espetáculo, com Filipe Martins, o “speaker” da prova, a vibrar e a fazer vibrar o público. Uma grande final, ganha por Bruno Gonçalves, mas que qualquer um dos outros também poderia ter vencido. Uma prova inequívoca que no Ralicross, não é a quantidade que faz o espetáculo. É sim a qualidade e a semelhança de andamentos.
Forte foi a ovação, com que os milhares de espectadores brindaram todos os intervenientes, terminada a final. Consulte AQUI a classificação final.
Bruno Gonçalves é o líder, do Campeonato desta divisão, seguido de Pedro Almeida e de Pedro Ribeiro.

 

Scroll To Top