Quarta-feira , Junho 26 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / Filipe Madureira: viagem ao passado num Peugeot 107
Filipe Madureira: viagem  ao passado num Peugeot 107

Filipe Madureira: viagem ao passado num Peugeot 107

 

 

«Não é uma viatura potente, mas é atraente. Não é rápido, mas anda que se farta. Não é perigoso, mas tem queda para o risco. Estamos a falar do Peugeot 107 com especificações Challenge 1000 que me “devolveu” o tempo dos iniciados. Foi como fazer uma viagem ao passado. Essa sensação foi confidenciada aos primeiros quilómetros da sessão de evolução à viatura da marca francesa ao meu amigo e navegador Emanuel Filipe Gonçalves.

Fazer parte da promoção do Challenge 1000 é outra situação que, conjugada com a experiência adquirida nos 21 anos de competição, nos dá um enorme prazer. O convite foi formulado e aceitei de imediato.

Não foram muitas mas foram algumas “viagens” num troço de asfalto no Bussaco. O Peugeot 107 revelou-se um autêntico “felino” muito capaz de “devorar” a atenção de todos. Tratando-se de uma versão dinâmica e coesa, em que o “rosnar” despertou entusiasmo durante o vai-e-vem constante, foram várias as vezes que me senti um iniciado. Esta é a medida certa para quem ambiciona abraçar o desporto automóvel e os ralis em particular.

A magia andou à solta e, sem o perceber, o encanto apoderou-se pelo clima de absoluta objectividade patenteada por uma pequena viatura que me permitiu entender o quanto é importante para os mais jovens iniciarem o prazer de viver intensamente as emoções dos ralis a partir do interior do Peugeot 107.

A Art of Speed oferece uma “ferramenta” importante para que as novas gerações consigam abraçar projectos ambiciosos. O Challenge 1000 é a rampa de lançamento. O objectivo é louvável e o caminho para lá chegar pode não ser sinuoso e difícil, bastando para isso empenho e aplicação.

Naturalmente que armadilhas e desafios vão aparecer com toda a certeza, mas o repto lançado com o Challenge 1000 privilegia futuros pilotos a custos reduzidos, sendo o primeiro obstáculo a ultrapassar.

Com ajuda do incrível trabalho da Art of Speed no Campeonato Centro e Norte de Ralis, é possível entrar na competição e sentir como se vive toda a acção da competição. O Rali de Santo Tirso, a 4 e 5 de Maio, abre um caminho que pode ser o do sucesso e de grandes alegrias».

 

Scroll To Top