Sexta-feira , Junho 25 2021
ÚLTIMAS
Home / MONTANHA / FR Power vai a Boticas para dar continuidade ao sucesso da Arrábida
FR Power vai a Boticas para dar continuidade ao sucesso da Arrábida

FR Power vai a Boticas para dar continuidade ao sucesso da Arrábida

 

 

Depois de um arranque de sonho no Campeonato de Portugal de Montanha JC Group, o preparador da Covilhã chega a Boticas seguro do trabalho de preparação efetuado e assume a ambição de voltar a levar os 3 pilotos que apoia aos lugares cimeiros da segunda prova da temporada.

 

Repetir e, se possível, ousar melhorar. Eis o mote com que a FR Power encara a Rampa Internacional de Boticas, segunda prova da temporada 2021 do Campeonato de Portugal de Montanha JC Group, sendo que a estrutura segue viagem para Trás-os-Montes com a segurança de quem viu António Rodrigues, Nelson Andrade e Joaquim Rino, os três pilotos que confiam na FR Power para assegurar toda a preparação e assistência técnica dos seus bólides, a conquistarem duas vitórias, um pódio absoluto e 3 Top 5 na prova de abertura da temporada.

Rui Ferreira, líder da FR Power, não esconde que “os resultados, em conjunto com a performance e fiabilidade demonstrados na Arrábida pelos dois protótipos e pelo kartcross que estão sob a nossa responsabilidade técnica, não só validaram todo o trabalho realizado na pré-epoca, mas também as afinações que, em conjunto com os pilotos, implementamos para a prova de abertura”.

Como tal, a FR Power “deu o litro neste intervalo entre as duas provas para preparar tudo ao pormenor, justificando a confiança que pilotos e equipas em nós depositam”.

O BRC CM 05 EVO de António Rodrigues, vice-campeão nacional em título e que pertence ao plantel da equipa NJ Racing e o BRC BR49 Evo de Joaquim Rino, que defende as cores da Articimentos, saíram da Arrábida “impecáveis. Fizemos a revisão necessária e introduzimos as afinações de chassi específicas para o traçado de Boticas, muito diferente do da Arrábida. Estamos muito confiantes de que os resultados vão ser muito bons!”.

Já o AG1000 de Nelson Andrade foi alvo de “uma profunda intervenção. Para além de uma revisão pormenorizada, mudamos todo o sistema de travagem pois, ao analisar os dados da Arrábida, sentimos que o kartcross ficaria ainda mais competitivo com essa alteração, permitindo ao Nelson ser ainda mais rápido”.

As lides competitivas começam bem cedo, no sábado, 8 de maio. Às 9 da manhã, acontecerá a 1ª subida oficial de treinos, com a 2ª sessão a estar prevista para o meio-dia. Duas da tarde é o horário reservado para a primeira subida oficial de prova do CPM JC Group.

O dia de domingo, 9 de maio, também terá arranque às 9.00 horas, com a 3º e última sessão oficial de treinos. As duas subidas finais a contar para a classificação estão aprazadas, respetivamente, para as 11.30 e as 13.30 horas.

 

&nbsp

Scroll To Top