Terça-feira , Junho 25 2019
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / GIANFRANCO MOTORSPORT EM BOM PLANO NO ESTORIL
GIANFRANCO MOTORSPORT EM BOM PLANO NO ESTORIL

GIANFRANCO MOTORSPORT EM BOM PLANO NO ESTORIL

 

 

Presente em duas frentes distintas, a Gianfranco Motorsport não teve um fim de semana fácil no autódromo do Estoril, onde alguns problemas não permitiram um melhor desempenho por parte dos seus pilotos. Assim na prova reservada aos clássicos e Legend´s Cup, a equipa teve em prova um Fiat Punto conduzido por José Carlos Cidrais, que segundoGinho Rodrigues, um dos responsáveis pela equipa  que nos começou por dizer “ correu bem, esta nossa participação teve apenas um carácter desportivo, e ao volante do nosso Punto estiveram José Carlos Cidrais e o  Óscar Rodrigues, que tiveram um bom andamento, acabando por ver a bandeira de xadrez na 4ª e 5ª posição à geral nas duas corridas onde participou. Foi um balanço positivo, o carro não  deu grande problemas, penso que mais era impossível, fazer, pois os carros que ficaram à nossa frente já são de outra “constelação”.

 

 

 

Em relação aos Single Seaters, tal como já tinha sido anunciado previamente, no sabado de manhã, chegou o segundo monolugar, que segundo Ginho Rodrigues “na realidade assim foi este segundo Fórmula Ford chegou às nossas mãos com o piloto espanhol Jose Luiz Teixeira. Não foi fácil preparar o carro para esta prova. O carro chegou às nossas mãos no sábado antes do dia de prova e vinha com alguns problemas que tiveram que ser resolvidos no dia de corrida derivados de aquecimento. Tivemos alguns percalços nos treinos pois partimos o selector da caixa. A primeira corrida foi o primeiro teste a sério que nos permitiu tirar algumas conclusões do carro e para a segunda com os ajustes que fizemos o piloto tirou 3 segundos. Mostrou se muito satisfeito com o nosso serviço que era o principal objetivo”. Em relação ao outro carro “ o carro do Afonso Cidrais e do Pedro Oliveira conseguiu logo ser rápido nos treinos livres apesar da pouca experiência dos pilotos com o carro. Ambos guiavam o carro pela primeira vez mas conseguimos um bom setup e o carro mostrou-se muito equilibrado. Para os cronometrados metemos pneus novos e o setup que tínhamos para os velhos não se mostrou tão eficaz e não conseguimos melhor que o 5°. Na primeira corrida o Afonso rodava facilmente no grupo que disputava a vitória quando se debateu com aquecimento nos travões e teve que abandonar. Para a segunda prova o Pedro teve que arrancar da penúltima posição da grelha e no arranque levou um toque de outro concorrente desequilibrando o carro que posteriormente fez com que partisse uma transmissão obrigando ao abandono prematuro.

 

Scroll To Top