Quarta-feira , Julho 28 2021
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Iberian Historic Endurance regressa a Spa-Francochamps para as Spa 3H
Iberian Historic Endurance regressa a Spa-Francochamps para as Spa 3H

Iberian Historic Endurance regressa a Spa-Francochamps para as Spa 3H

No próximo fim-de-semana de 25 a 27 de Junho, a competição Iberian Historic Endurance regressa a solo belga com a visita ao Circuito de Spa-Francochamps. Após a prova ao circuito de Jarama, pilotos e equipas são postos à prova no mítico e exigente circuito belga. Como é tradicional, o fim-de-semana irá contar com uma prova de 3 horas e com uma extraordinária grelha de partida com 45 máquinas de 12 nacionalidades diferentes representando alguns dos mais desejados modelos dos anos 50 e 70.

Esta emblemática competição demarca-se pelo espírito de “Gentlemen Driver”, nos quais os pilotos vão para a pista disputar uma animada corrida com os seus colegas, ao volante do seu carro favorito, ao revés de apenas procurarem a vitória final. A grande novidade da 4º edição das 3 Horas de SPA prendem-se com as dificuldades actuais em viajar o que leva a pilotos habituais da Austrália, Japão, América do Sul e principalmente Inglaterra tenham reduzido fortemente a sua participação. Mesmo assim, 45 equipas superaram todas as dificuldades e estarão à partida para a prova.

Entre os inscritos, destaque para a categoria H-1965 que aparece com uma vasta lista de participantes. Recordando que em 2019, o primeira a ver a bandeira de xadrez foi um Lotus Elan desta categoria, espera-se em 2021 mais lutas épicas entre as 24 equipas inscritas. A lista de inscritos conta com variados exemplares de exceção, encabeçada pelo Pole Position de 2019, a GIPImotor pilotados pelos belgas Christophe Van Riet e Fred Bouvy num Shelby Cobra, modelo que surge uma vez mais nesta lista mas desta feita pelaequipa holandesa de Armand Adriaans e Ad Verkuijlen. Para esta prova de 3Horas aparece uma armada de carros originários dos Estados Unidos da América, nada mais nada menos do que 8 Fords todos de equipas da Benelux.São cinco Mustangs, liderados por Marc Devis, acompanhado pelos seus filhosDevis e Mathias, Christian Dumolin a partilhar o volante com Pierre-Alain Thibaut. O Holandês Bas Jansen também regressa a esta prova enquanto dupla belga/senegalesa Serge Libens estreia-se na mesma que partilha as lides de condução com o Senegalês Jean-André Collard. Os Luxemburgueses estão também em força com Donny Wagner e Joel Prim noutro Mustang enquanto Philippe Varmast e Charles Kauffman inscrevem um Ford Falcon. Também de Ford Falcon temos duas equipas holandesas, com a família Van Gammeren a inscrever o potente veiculo americano e o habitual Martin Bijleveld que deste vez partilha o seu carro com Jaap Van der Ende e Bart Jan Deenik.

Continuando os inscritos desta concorrida categoria H-1965, surgem 2 exemplares da marca de Colin Chapman. A família Alemã Graf Von Wendel e Holandesa Stevens trazem 2 Lotus Elan, um modelo que devido ao menor consumo de combustível é muito competitivo para a vitoria final. De França vem dois exóticos Marcos GT1800, com as duplas Bordet/Richard e Bordet / Decronumbourg esperam tal como os Elan que o consumo de combustível seja a arma contra os carros de maior cilindrada. Por falar em carros de maior cilindrada, a representar Inglaterra teremos o icónico Jaguar E Type conduzido pelos britânicos Michael e Kallum Gray.

São mais de 20 modelos diferentes e sem duvida o Austin Healey 3000 MKII dos Suicos Zumstein/Buhlet será um dos mais elegantes em prova, tal como o Alfa GTA conduzido Van Hellenberg e da estrela Holandesa Nicky Pastorelli Todos os restantes inscritos estarão presentes em variados modelos da marca Bávara Porsche. Num sempre espetacular Porsche 904 os belgas Olivier Blanpain e Nicolas D’Ieteren. Uma armada Porsche não estaria completa sem o seu mais icónico modelo, o 911. E em H-1976 constam um exemplares deste intemporal modelo, com um 911 variante SWB os portugueses Nuno Nunes e José Carvalhosa.

Em H-1971, concorrência também não vai faltar com um total de 11 equipas inscritas e um total de 4 marcas representadas e 6 nacionalidades diferentes. Destes 4 viaturas serão GTAm, Volker Hichert juntamente com Bjorn Ebsen estreiam a sua nova maquina. Esta dupla alemã terá como adversária o mítico “Paris-Match” GTAm de Guillaume Colinet e Grégoire Colinet e Christian Oldendorff que terá como companheiro de equipa Max Werner, piloto de Formula 1 Clássicos. Também a dupla francesa Giglio/Cartelle estreiam-se nesta prova pela primeira vez.
Os Alfas não são todos GTAm e também inscrito está um GT Veloce conduzido pela tripla italiana Lonardi/Raimondi/Giacomelli.

Na categoria pre-1971 aparece o incrível FIAT 850 Berlina nas mãos da equipa Lang/Hamilton que é uma forte candidata ao prémio INDEX Performance by Cuervo y Sobriños. Alinharão nesta categoria dois exemplares da marca Ford. Um Mustang Boss 302 da dupla De Weerdt/ Branckarts e o conhecido Escort Twin Cam, Ex-Team Palma, de Manuel Ferrão que para esta prova levará como companheiro de equipa seu filho Diogo Ferrão. Também de solo ibérico vai a dupla de Vasco Nina e António Castro com fiável BMW 1600 Ti. Os restantes inscritos desta categoria são Porsche. Para além do icónico 911 na variante 2.5 ST nas mãos da experiente dupla portuguesa Piero dal Maso e José Carvalhosa teremos mais uma equipa que esteve presente em todas as edições. Os Franceses Eric Douart, Guy Chriqui e Philippe Thiolatcom o fiável e raro 914/6.

A ultima categoria presente nas 3H de Spa trata-se da categoria dedicada a carros até 1976, nesta categoria reina a marca Porsche com 6 equipas inscritas. De Espanha irá a equipa composta por Rafael Sanchez-Alcalá, Eduardo Sanchez-Alcalá e Antonio Escalante num Porsche 911 2.7 RS. A dupla Portuguesa constituída por Carlos Brizido e João Pina Cardoso. A variante 3.0 RS do modelo 911 mostra-se muito famosa pois dentro desta categoria aparecem mais 4 equipas com o mesmo modelo. A equipa italiana Denti/Denti/Marzatico, o Inglês Paul Daniels que regressa após 2 anos agora com o ex-vencedor das 24 Horas de Spa Benny Simmonsen. Também regressam ao Historic Endurance os Dinamarqueses Lars e Anette Rolner, que trazem um Porsche para cada um.
Como a categoria H-1976 não é só Porsches surgem também dois Ford Escort. O primeiro da dupla familiar De Latre du Bosqueau. Thierry e Alex levam até Spa-Francochamps um belo exemplar que outrora venceu o campeonato alemão de turismos, o Ford Escort Wooding. Já os Holandeses Jan Deenik / Sinke trazem um Ford Escort RS2000 para a aventura das 3 Horas.

Diogo Ferrão, responsável pela competição Iberian Historic Endurance, afirma que “Após um ano de intervalo, voltar a poder ir a Spa-Francochamps para cumprir a nossa habitual prova de 3 Horas numa pista mágica é extremamente motivador e mais um passo para o regresso à normalidade. O traçado criado em 1922 que é sempre muito desafiante e perfeito para estes carros assim como a sua história que para os todos os amantes de desporto automóvel não passa indiferente. Com o verão em vigor, viveremos calorosos momentos, mas sempre respeitando o distanciamento social dentro e fora de pista, assim como a situação atual nos obriga!”

A qualificação para a corrida começa às 19h35 de dia 25 de Junho, sexta, com a derradeira prova de 3 horas a ser realizada no dia seguinte com inicio às 18h50.

&nbsp

Scroll To Top