Terça-feira , Março 19 2019
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / João Rato no Sealine Cross-Country Rally Qatar
João Rato no Sealine Cross-Country Rally Qatar

João Rato no Sealine Cross-Country Rally Qatar

Desde o ano de 2007 que João Rato não competia nas duas rodas. Nessa altura passou para a competição nos automóveis e a mota passou a ser usada apenas aos fins-de-semana com os amigos para se divertir.

Contudo, em Janeiro a convite de João Vivas, o piloto de Portalegre regressou, na resistência de Erra, às competições nas motas.“Já tinha recebido diversos convites para regressar e quando o meu afilhado João Vivas me convidou, achei que estava na altura de voltar a fazer uma corrida, com o objectivo de apenas me divertir. Depois disso surgiram mais convites e acabei por participar no raid de Coruche e no Enduro de Castelo Branco. Fui apenas para me divertir porque nem tenho treinado, mas senti- me muito bem e percebi que não me esqueci daquilo que sabia, mesmo sem treinos consegui óptimos resultados para quem estava há oito anos parado. Tinha várias pessoas a incentivar-me a regressar e isso contribuiu bastante para a minha decisão. Não pretendo afastar-me da competição automóvel mas a verdade é que gosto muito de andar de mota e quero apenas aproveitar para me divertir.”

Com este regresso, surgiu a oportunidade de João Rato participar no Sealine Cross-Country Rally Qatar que vai decorrer em Doha de 18 a 24 de Abril. A prova terá um percurso de 1700 quilómetros divididos por cinco dias e com uma lista de inscritos onde constam os melhores pilotos de todo-terreno da actualidade.“É uma experiência nova para mim. Nunca fiz uma prova de navegação, vou para aprender e poder acrescentar mais uma experiência ao meu currículo. Quero apenas terminar e isso já seria uma vitória. Vai ser uma experiência memorável porque é a primeira prova deste género que em participo e o dia da primeira etapa será também o dia do meu trigésimo primeiro aniversário. Não posso deixar de agradecer a quem me apoiou nesta aventura e em especial à equipa da SmartPro/Pcr que fica em Portugal a ultimar todos os preparativos para que eu possa participar no Rally TT Vinhos Carmim que se realiza três dias depois de eu chegar a Portugal.”

 

Scroll To Top