Sexta-feira , Junho 21 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / João Barros vence o Rali de Castelo Branco
João Barros vence o Rali de Castelo Branco

João Barros vence o Rali de Castelo Branco

 

 

Piloto do Ford ganha com 6,3s de vantagem sobre José Pedro Fontes

 

João Barros foi o grande vencedor do Rali de Castelo Branco. Numa prova emocionante até ao derradeiro quilómetro, o piloto do Ford Fiesta R5 bateu José Pedro Fontes (Citroën DS3 R5) por 6,3 segundos e garantiu o lugar mais alto do pódio na jornada do campeonato organizada pela Escuderia Castelo Branco. Miguel Campos, em Skoda Fabia R5, foi o terceiro melhor. Ficou a 31 segundos de João Barros.

 

Ao longo de dois dias, Castelo Branco foi o epicentro dos ralis em Portugal. Ontem realizaram-se três classificativas, uma das quais foi a super-especial noturna em plena cidade que teve uma verdadeira multidão a assistir. José Pedro Fontes entrou mais forte e chegou ao final da primeira etapa na liderança da competição. Para hoje, a Escuderia tinha delineado um itinerário com duas rondas de três troços cada.

 

O campeão nacional em título arrancou para a secção da manhã com 10,9 segundos e chegou à assistência intermédia com uma diferença ligeiramente superior para João Barros, que era segundo. Nada estava decidido e na tentativa de segurar a liderança, José Pedro Fontes fez um pião logo no início da primeira classificativa da tarde. Perdeu cerca de 20 segundos e João Barros ascendeu ao comando da classificação geral. Os dois partiram para um duelo frenético nas derradeiras duas classificativas e o piloto do Ford Fiesta R5 foi quem levou a melhor.

 

Os três primeiros em discurso directo

 

João Barros

“Desde o princípio que sabia que havia três pilotos que condições para vencer: Eu, o Fontes e o Campos. Acabei por ser eu e o José Pedro a discutir o rali até ao derradeiro troço. Ele deu-me uma grande luta. Tinha a noção que um erro ditaria a vitória no Rali de Castelo Branco e acabou por pender para o meu lado. Esta é uma prova muito bonita de que eu gosto bastante. A luta foi espectacular porque nos fez andar sempre no limite.”

 

José Pedro Fontes

“Na primeira curva da oitava especial do rali fiz um pião. Foi um erro meu. Sabia que tinha de dar o máximo e acabei por ultrapassar os limites. Mas o resultado foi bom para o campeonato. Quero dar os parabéns ao João (Barros) porque foi um justo vencedor.”

 

Miguel Campos

“De manhã fiz alterações que resultaram e que melhoraram o carro. À tarde voltámos a mexer e fazer pequenas mudanças. Mas não foram positivas e como não era possível sermos tão rápidos optámos por gerir o terceiro lugar. Nas zonas mais encadeadas não conseguimos acompanhar o Citroën e o Ford.”

 

Francisco Cima e Diogo Gago destacam-se nas duas rodas motrizes

 

Prova pontuável para o Clio Trophy Iberia, o Rali de Castelo Branco recebeu concorrentes do outro lado da fronteira. Entre a armada espanhola destacou-se Francisco Cima. Ao volante de um Renault Clio R3T, o piloto foi o melhor entre os carros de duas rodas motrizes e ainda terminou no oitavo lugar da geral.

 

“Estou muito contente pela vitória no Troféu Renault. Provámos que temos um bom ritmo. Estou satisfeito por andar nos lugares da frente. Nos últimos troços gerimos a vantagem. Gostei bastante do rali. Tem troços fantásticose a super-especial foi espectacular. Excelente trabalho de promoção. Em Espanha não encontramos algo a este nível”, disse Cima no final da prova.

 

Diogo Gago ficou em segundo lugar com o Peugeot 208 R2. O piloto venceu para as contas do campeonato nacional nesta categoria e deixou Surhyen Pernía, em Renault Clio R3T, a 1,1s em mais um duelo empolgante que se assistiu no Rali de Castelo Branco.

 

“O resultado final reflecte o trabalho que temos vindo a fazer. Estamos no caminho certo. Tivemos o ritmo adequado e fomos bastante consistentes. Conseguimos o pleno de vitórias nos troços entre os portugueses com carros de duas rodas motrizes e alcançámos segundo triunfo consecutivo no campeonato. Foi muito positivo”, disse Diogo Gago.

 

Ricardo Sousa foi o mais forte de todos os participantes no DS3 R1 Challenge, competição que começou no Rali de Castelo Branco. A prova foi dominada por Pedro Antunes que desistiu depois de sentir problemas na caixa de velocidades do seu carro. “Foi um rali difícil e sabemos que beneficiámos com o azar dos nossos concorrentes. Mas imprimimos o nosso ritmo e tudo correu na perfeição. Foi uma excelente forma de começar o DS3 R1 Challenge”, afirmou Ricardo Sousa. Diogo Soares ficou em segundo e Gonçalo Inácio terminou na terceira posição.

 

Também de Espanha chegaram inúmeros concorrentes para competir na Copa Dacia Sandero. Neste troféu monomarca, Javier Bouza foi quem melhor se deu nos troços da Beira Baixa e venceu com mais de 40 segundos de vantagem sobre o segundo classificado, Juan Alvaro Filip.

Na Taça FPAK Ralis de Asfalto, Herlander Trindade bateu Eduardo Veiga por mais de 20 segundos. Mas a competição foi discutida até ao último especial. Antes do último troço, Veiga liderava com 14,4s de vantagem. Mas o piloto do Subaru foi mais forte e subiu ao lugar mais alto do pódio no final.

 

Classificação final do Rali de Castelo Branco (não oficial)

1º        J.Barros/J. Henriques             Ford Fiesta R5                        1h05m06,2s

2º        J.P. Fontes/I. Ponte                 Citroën DS3 R5                       a 6,3s

3º        M. Campos/C. Magalhães     Skoda Fabia R5                       a 31,0s

4º        P. Meireles/M. Castro           Skoda Fabia R5                       a 1m30,3s

5º        C. Vieira/J. Carvalho              Citroën DS3 R5                       a 1m47,4s

6º        M. Barbosa/M. Ramalho       Skoda Fabia R5                       a 3m55,9s

7º        D. Salvi/P. Babo                     Ford Fiesta R5                        a 4m00,4s

8º        F. Cima/D. Sanjuan                Renault Clio R3T                    a 4m20,4s

9º        D. Gago/H. Magalhães          Peugeot 208 R2                      a 4m49,4s

10º      S. Pernía/C. Barrio                 Renault Clio R3T                    a 4m50,5s

 

Scroll To Top