Domingo , Dezembro 16 2018
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Jornada cautelosa de Joaquim Machado em Castelo Branco
Jornada cautelosa de Joaquim Machado em Castelo Branco

Jornada cautelosa de Joaquim Machado em Castelo Branco

 

 

No Ralicross de Castelo Branco, realizado no passado fim de semana, Joaquim Machado, com o Peugeot 206 S1600, fez uma prova à defesa, uma prova com algumas cautelas. Mas, foi o piloto de Lousada que nos explicou porquê.

“Ainda pouca gente sabia, mas eu tinha feito um negócio com o Ulrik Linnemann, para lhe adquirir o Peugeot 208 S1600. Um carro atual, competitivo e que pode correr no Europeu de Ralicross. Nesse negócio, estava incluído o meu carro, com que competi em Castelo Branco, que ele aceitou como parte do pagamento”, começou por nos explicar, Joaquim Machado. “O negócio era para ser fechado dois dias depois de prova. Como tal, se houvesse qualquer contratempo, com o 206, não lho poderia entregar. Foi por este motivo que, em Castelo Branco, fiz uma prova com alguma cautela, não correndo muito riscos”, concluiu Joaquim Machado.

Mesmo com esta condicionante, Joaquim Machado terminou no quarto lugar, tanto na classificação após as corridas, como na final. Posições, que lhe permitem continuar no terceiro posto, no Campeonato de Portugal de Ralicross, categoria Super 1600.

Na próxima jornada, em Sever do Vouga, Joaquim Machado irá participar com o seu novo Peugeot 206 S1600.

 

Scroll To Top