Quarta-feira , Fevereiro 20 2019
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Kristoffersson conquista segunda vitória de 2018 em Montalegre
Kristoffersson conquista segunda vitória de 2018 em Montalegre

Kristoffersson conquista segunda vitória de 2018 em Montalegre

Johan Kristoffersson somou este fim de semana em solo barrosão o segundo triunfo da temporada, ao passo que Sebastien Loeb registou novamente um 2º lugar num fim de semana que tinha tudo para acabar mal para o francês.

Começamos o fim de semana com sol, mas no domingo tudo mudou. Chuva, vento, neve, e até espaço para alguns raios de sol. As finais foram disputadas com a neve a cair.

O resultado das quatro qualificações deixou Loeb na frente, mas isso deveu-se mais às prestações de ontem com piso seco, porque hoje de manhã com piso molhado o homem da Peugeot passou por muitas dificuldades. Timmy Hansen posicionou-se ao seu lado no que foi a melhor qualificação da Peugeot no mundial de Rallycross.

Nas meias finais Timmy Hansen e Johan Kristoffersson repartiram os triunfos, mas saltou à vista o desastre de Mattias Ekström. O sueco tentou seguir o seu companheiro Andreas Bakkerud e acabou por prejudicar a prova de ambos, acabando Ekström por ficar fora da final.

Na corrida decisiva e que irá que irá ficar para a história como a primeira final de sempre com neve, Johan Kristoffersson conseguiu sair da primeira curva na frente, e a partir daí geriu a sua vantagem até à bandeira de xadrez. Timmy Hansen não o conseguiu acompanhar, fruto de um toque num rail na 2ª volta quando, aparentemente o autoblocante do seu Peugeot atirou o carro para o lado, problema esse que viria a provocar um peão do sueco no mesmo local uma volta mais à frente.

Sebastien Loeb optou por ir à “Joker Lap” logo após o arranque levando atrás de si Petter Solberg, mas o francês pareceu ter encontrado o set-up adequado para o Peugeot em molhado e conseguiu distanciar-se progressivamente do homem da VW.

Abaixo do pódio ficou Andreas Bakkerud que não resistiu a Loeb e Solberg num fim de semana para esquecer na equipa EKS. Guerlain Chicherit conseguiu colocar o Renault Megane no 5º lugar garantindo a ida a uma final logo na segunda prova do carro.

Nos S1600 Artis Baumanis levou o Skoda Fabia ao triunfo. Espen Isaksaetre num Peugeot 208 surpreendeu, já que saiu do último lugar da segunda meia-final e conseguiu passar à final para subir até ao 2º lugar da geral. Ondrej Smetana colocou o Ford Fiesta no 3º lugar.

No Crosscar o espanhol Javier Lucena conseguiu surpreender e conquistar o primeiro lugar à frente do multicampeão Pedro Rosário. O pódio ficou completo com o Jorge Gonzaga. O barrosão João Pires conseguiu um excelente em 6º lugar em 20 participantes.

 

Scroll To Top