Sexta-feira , Junho 25 2021
ÚLTIMAS
Home / MONTANHA / Luís Nunes com confiança reforçada para a Rampa Internacional de Boticas
Luís Nunes com confiança reforçada  para a Rampa Internacional de Boticas

Luís Nunes com confiança reforçada para a Rampa Internacional de Boticas

Luís Nunes tem já no próximo fim de semana o segundo desafio da temporada, a Rampa Internacional de Boticas, dias 8 e 9 de maio. Um palco onde o piloto se apresenta com a motivação reforçada, depois da passagem muito bem sucedida pela Rampa Pêquêpê Arrábida, prova de abertura do Campeonato Portugal de Montanha de 2021, que venceu na categoria Turismos e Divisão 1.

 

Em termos de resultado foi um começo de ano muito bom. No entanto, tivemos alguns problemas no Ford Fiesta ST R5+ que nos condicionaram a performance. Temos estado a trabalhar no carro e esperamos estar em Boticas a cem por cento”, começou por referir o piloto.

 

Para a segundo de oito eventos da época, o objetivo é voltar a celebrar no degrau mais alto do pódio: “A vitória na categoria Turismos é o objetivo e sinto que temos todas as condições para a conseguir. Venci a última edição da prova, em 2019, já ao volante do Ford Fiesta ST R5+, um resultado que naturalmente espero repetir, ao mesmo tempo que iremos continuar a explorar afinações e evoluir em algumas áreas o nosso carro”, frisou.

 

Uma ronda disputada num palco de eleição para o atual bicampeão nacional de Turismos e rosto da equipa Nunes Sport: “Para mim é a rampa com o traçado mais completo do campeonato. Tem zonas rápidas, encadeadas, com vários níveis de aderência e é bastante segura. Do meu ponto de vista, é a rampa modelo do calendário”, afirmou Luís Nunes, que acrescenta: “Por outro lado, posso dizer que estou praticamente a correr em casa, o que tem sempre um sabor especial.”

 

A Rampa Internacional de Boticas do próximo fim de semana integra também o Campeonato Europeu de Montanha, um fator que atribui um condão particular ao evento: “É sempre bom medir forças com grandes pilotos e o facto de estarem presentes alguns dos melhores nomes da especialidade é um fator de motivação extra, ainda que o nosso foco seja sempre a competição nacional”, finalizou Luís Nunes.

 

&nbsp

Scroll To Top