Terça-feira , Dezembro 18 2018
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Maio, Martins e Dias entram com o pé direito
Maio, Martins e Dias entram com o pé direito

Maio, Martins e Dias entram com o pé direito

Pilotos realizaram prólogo e primeiro sector selectivo

 

António Maio, Arnaldo Martins e João Dias são os líderes no final do primeiro dia de competição da Baja TT do Pinhal. Cumpridos quase 50 quilómetros contra o cronómetro, foram os mais rápidos nas pistas desenhadas, primeiro, em redor da Sertã e, depois, entre esta localidade e Proença-a-Nova.

 

Nas motos, António Maio não podia ter começado melhor. O campeão nacional em título mostrou que está completamente recuperado da queda sofrida na jornada anterior e impôs-se perante a concorrência logo no prólogo. Com a Yamaha WR que utiliza habitualmente, bateu o líder do campeonato, Sebastian Buhler, por quase quatro segundos. Este, que também anda numa Yamaha WR mas 250, foi o melhor na categoria TT1 enquanto Gustavo Gaudêncio, que foi terceiro nos 7,23 km iniciais, foi o mais rápido em TT3.

 

Entretanto, as equipas ainda tinham mais de 40 quilómetros no primeiro sector selectivo, naquela que foi uma das novidades empreendidas pela Escuderia Castelo Branco. António Maio voltou a estar num nível superior e estabeleceu o melhor registo. Deixou Buhler, que não evitou duas saídas de pista, a 45 segundos e aumentou a diferença entre os dois. Esta cifra-se em 48,97s. Gaudêncio mantém o terceiro posto a 1m36,54s do líder.

 

“No prólogo tentei, desde logo, atacar. Nos primeiros quilómetros, procurei adaptar-me à moto que tem uma suspensão diferente e umas alterações na caixa de velocidades em comparação com a última corrida. Na segunda metade do prólogo, mantive um ritmo constante para não cometer erros e consegui o meu objetivo que passava por ser o mais rápido. No sector selectivo, imprimi um bom ritmo. A moto esteve espectacular. Para amanhã, vou atacar. Hoje senti-me confiante e quero sair desta prova com a vitória”, afirmou António Maio.

 

Nos quads, Arnaldo Martins bateu o líder do campeonato, Roberto “Beto” Borrego, por 1,51s para ser o primeiro líder da Baja TT do Pinhal. O piloto da Suzuki quer acabar com o domínio absoluto do rival da Yamaha e depois de se ter destacado no prólogo, consolidou a primeira posição com a vitória em SS1. Deixou Filipe Martins, em Kawasaki, a 39 segundos e parte para o dia de amanhã com 48,07s de vantagem sobre este. Borrego surge em terceiro, a 54,51s do líder.

 

Entre os UTV/Buggy, o estatuto de comandante é de João Dias, em Polaris RZR. Mas não foi assim que começou. No prólogo, Roberto Viñaras, também em Polaris, foi o mais rápido e deixou Bruno Martins (Rage) e Ricardo Carvalho (Yamaha) no segundo e terceiro lugares, respectivamente. Só depois, em SS1, é que Dias se destacou ao ponto de saltar do 11º para o primeiro posto. Ganhou dez segundos a Vítor Santos, em Can-Am, e deixou-o no segundo posto da classificação geral, a 3,06s. Viñaras não foi além do quarto tempo e caiu para terceiro. Está a 23,9s de Dias.

 

Amanhã, a competição começa logo às 8h15. O segundo sector selectivo apresenta 94,33 quilómetros com partida e chegada na Sertã e passagem por Vila de Rei. O terceiro sector selectivo tem 72,46 km de extensão e liga Sertã a Vila de Rei. A partida está marcada para as 12 horas. A cerimónia de pódio começa às 13h45.

 

Classificação motos

1º        António Maio             Yamaha WR               43m38,6s

2º        Sebastian Buhler        Yamaha 250F             a 48,97s

3º        Gustavo Gaudêncio    Honda CRF 490R        a 1m36,54s

 

Classificação quads

1º        Arnaldo Martins         Suzuki LTR 450           46m49,48s

2º        Filipe Martins             Kawasaki KFX 450R    a 48,07s

3º        Roberto Borrego        Yamaha YFZ450R       a 54,51s

 

Classificação UTV/Buggy

1º        João Dias/João Filipe  Polaris RZR                 46m49,48s

2º        Vítor Santos                Can-Am Maverick      a 3,06s

3º        Roberto Viñaras         Polaris RZR                 a 23,90s

 

 

Scroll To Top