Sexta-feira , Abril 26 2019
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Mário Patrão sobe ao terceiro lugar da geral 
Mário Patrão sobe ao terceiro lugar da geral 

Mário Patrão sobe ao terceiro lugar da geral 

 

Piloto da KTM foi 4º na etapa 3 do Panafrica Rally

 

Mário Patrão concluiu hoje a segunda parte da etapa maratona na quarta posição e, com este resultado ascendeu ao terceiro lugar da classificação geral do Panafrica Rally. O piloto apoiado pelo Crédito Agrícola partiu para especial de hoje da oitava posição, em função do resultado alcançado no final da primeira parte da etapa maratona disputada ontem. Hoje gastou 1h55m21s a cumprir os 138 quilómetros de setor seletivo do dia, tendo subido quatro posições relativamente ao dia de ontem. À sua frente ficaram somente os dois pilotos oficiais da Sherco, Adrien Metge e Joan Pedrero que abriram a pista e o também piloto oficial espanhol Oriol Mena.

 

“A etapa maratona chegou ao final. O dia de ontem foi longo, com bastante navegação. Tudo correu como previsto e só posso dizer que está a ser um rali bastante positivo, tendo em conta o objetivo que traçámos ao participar nesta competição. Vamos continuar focados na navegação, que é o mais importante. Agradeço a todos os patrocinadores que nos permitira estar aqui” salientou o piloto que conta com o apoio da Bau.

 

O piloto de Seia chega a esta prova depois de este ano ter contraído algumas lesões em competições nacionais, tem evidenciado um andamento muito regular, sem cometer erros ao longo desta edição do Panafrica Rally o que lhe permitir ter ascendido a esta posição de pódio.

 

Amanhã disputa-se a quarta etapa do Panafrica Rally, a mais longa desta edição, num total de 257 quilómetros contados ao cronómetro. Nesta etapa, tal como é também habitual nas demais, o percurso inicia-se e termina em Erfoud. A única exceção registou-se no dia de ontem, na primeira parte da etapa maratona, em que os pilotos ficaram acampados no deserto, de onde partiram para a especial de hoje.

 

Classificação geral após a 3ª etapa

1º Joan Pedrero (Sherco), 8h03m47s; 2º Adrien Metge (Sherco), 8h06m58s; 3º Mario Patrão (KTM), 8h31m20s; 4º Daniel Oliveras (KTM), 8h45m39s (7); 5º Marc Solá (KTM), 8h47m11s 6º Iván Cervantes (KTM), 8h52m29s; 7º Txomin Arana (Husqvarna), 9h54m34s; 8º Joaquim Rodrigues (Hero), 8h55m36s (21m); 9º Sebastian Bühler (Yamaha), 8h57m41s (28).

 

Scroll To Top