Sexta-feira , Agosto 23 2019
ÚLTIMAS
Home / MOTOS / Martim Espinho teve tarefa dificil mas positiva
Martim Espinho teve tarefa dificil mas positiva

Martim Espinho teve tarefa dificil mas positiva

Martim Espinho a competir na classe MX65 esteve presente na primeira prova do campeonato espanhol de Motocross, um campeonato bastante competitivo com muitos pilotos na grelha de partida.

Nos treinos cronometrados o jovem piloto com a sua KTM 65 SX conseguiu a 12ª posição entre 48 pilotos. Na primeira manga depois de um mau arranque em 21º conseguiu recuperar e terminar no 12º lugar. Na segunda manga não correu de feição o que levou à desistência.

Em rescaldo da nova experiência no campeonato espanhol Martim Espinho comenta “não foi tarefa fácil, era muito difícil encontrar pista livre e fazer um melhor lugar, havia muita lama devido às chuvas dos últimos dias. Foi com tristeza que parti de Almenar sem terminar a prova devido a problemas relacionados com a embraiagem e o piso pesado do circuito catalão. Contudo estou bastante contente com o 12º lugar alcançado na primeira manga, penso que consigo lutar pelos 10 primeiros, vou continuar a trabalhar…”.

Nuno Dinis

 

Scroll To Top