Domingo , Novembro 29 2020
ÚLTIMAS
Home / RALI / Meeke em grande estilo e Breen com resultado convincente
Meeke em grande estilo e Breen com resultado convincente

Meeke em grande estilo e Breen com resultado convincente

 

 

Kris Meeke and Paul Nagle estiveram em grande forma na última etapa da Volta à Córsega, tendo a dupla vencido as duas especiais do dia. A bordo do segundo carro do Abu Dhabi Total WRT, Craig Breen e Scott Martin confirmaram o seu potencial ao garantirem um lugar entre os cinco primeiros, naquela que foi a sua estreita em alcatrão ao volante de um WRC.

Após duas etapas extremamente exigentes, o terceiro dia da Volta à Córsega foi bem mais tranquilo. Apesar de mais curtas em quilometragem, as últimas especiais não eram para ser encaradas de ânimo leve! O percurso entre Antisanti e Poggio di Nazza, o troço mais longo do rali (53.78 km), antes do troço final Porto-Vecchio – Palombaggia (10,42 km), que contou como Power Stage.

 

Voltando à prova sob os regulamentos de Rally2, depois do pequeno incidente no dia anterior, Kris Meeke e Paul Nagle tiveram o privilégio de serem os primeiros a sair para a estrada. Imprimindo um andamento forte da partida à chegada da SS9, a equipa anglo-irlandesa alcançou uma impressionante vitória na especial,

terminando com 35.3s de vantagem sobre a equipa segunda classificada, ou seja, mais de 6/10 de segundo por quilómetro!

 

Apesar de garantir o 5º lugar final na prova, Craig Breen não estava satisfeito com o tempo alcançado, tendo sido retardado por notas de navegação tiradas em 2015 que se revelaram claramente insuficientes para as elevadas velocidades do WRC.

 

Após trocar de pneus já muito perto de Porto-Vecchio, as equipas arrancaram para a Power Stage, a derradeira especial antes do final do rali. Mais uma vez, ninguém foi capaz de se aproximar do ritmo frenético de Kris Meeke. Andreas Mikkelsen foi quem mais se aproximou, terminando apenas cinco décimas de segundo depois do piloto de Ulsterman. Craig Breen soube gerir muito bem a vantagem em relação a Hayden Paddon para alcançar o objetivo de terminar entre os cinco primeiros lugares da classificação final.

 

O programa do Abu Dhabi Total WRT vai prosseguir no Rali de Espanha (13 a 16 de Outubro), inscrevendo três carros para Kris Meeke/Paul Nagle, Craig Breen/Scott Martin e Khalid Al-Qassimi/Chris Patterson. A temporada da equipa terminará no Rali de Gales – Grã-Bretanha (27 a 30 de Outubro), com quatro carros inscritos para a última ronda do ano. Kris Meeke/Paul Nagle e Craig Breen/Scott Martin vão correr em casa – ou o mais próximo possível de casa em termos de WRC – enquanto Stéphane Lefebvre fará o seu muito aguardado regresso com um navegador cujo nome será revelado oportunamente. Por último, Quentin Gilbert e Renaud Jamoul completam o alinhamento para a prova Galesa, isto depois de terem alinhado nesta temporada de WRC2 com um DS 3 R5.

 

O QUE ELES DISSERAM

 

Craig Breen: «Esta semana foi particularmente intensa e dura, mas estamos obviamente encantados por chegar ao fim do Rali da Córsega entre os cinco primeiros. Correu tudo lindamente e ganhámos uma boa dose de experiência, tanto no que toca à condução de um WRC como no respeita às dificuldades naquele é, indiscutivelmente, o mais difícil dos ralis disputados em alcatrão. O 5º lugar da geral está muito em linha com o objectivo a que nos propusemos no início. Melhorámos a cada quilómetro e obtivemos tempos mesmo muito bons. Gostaria de agradecer a todos os que tornaram possível a minha participação neste rali e aos que me apoiaram ao longo de toda a prova!»

 

Kris Meeke: «Para mim, foi muito importante voltar a estar em forma logo pela manhã. Tinha de recuperar a confiança nas minhas notas de navegação, depois do erro durante o reconhecimento e que acabou por levar ao incidente de sábado. É uma chamada de atenção para a importância que tem essa parte do rali. Na verdade, o rali não começa na sexta-feira, começa nos reconhecimentos de segunda-feira em que temos de negociar cada curva muito devagar. Foi uma boa lição para nós e que teremos sempre presente no futuro. Na manhã de domingo, fiquei satisfeito com o meu tempo na SS9 e fiquei igualmente feliz por ter vencido a Power Stage, muito embora os pontos não tenham qualquer importância dado que não estou a concorrer nesse campeonato. Estou ansioso por regressar à Volta à Córsega e tentar lutar pela vitória.”

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL (provisória)

  1. Ogier / Ingrassia (VW Polo R WRC) 4:07:17.0
  2. Neuville / Gilsoul (Hyundai i20 WRC) +46.4
  3. Mikkelsen / Jaeger (VW Polo R WRC) +1:10.0
  4. Latvala / Anttila (VW Polo R WRC) +1:35.6
  5. Breen / Martin (DS 3 WRC) +2:18.6
  6. Paddon / Kennard (Hyundai i20 WRC) +2:36.1
  7. Sordo / Marti (Hyundai i20 WRC) +3:06.9
  8. Camilli / Veillas (Ford Fiesta RS WRC) +4:53.9
  9. Østberg / Floene (Ford Fiesta RS WRC) +5:37.7
  10. Tanak / Molder (Ford Fiesta RS WRC) +6:26.6

(…)

  1. Meeke / Nagle (DS 3 WRC) +22:35.2

(…)

 

 

Scroll To Top