Terça-feira , Março 31 2020
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Nacional de Ralicross teve inicio hoje em Lousada com lista de luxo
Nacional de Ralicross teve inicio hoje em Lousada com lista de luxo

Nacional de Ralicross teve inicio hoje em Lousada com lista de luxo

O Campeonato Nacional de Ralicross, Kartcross e Super Buggy (CNRX) arrancou hoje em Lousada, com uma lista de participantes de luxo e competição a condizer. Parabéns à organização do Clube Automóvel de Lousada.

Entre as novidades destacam-se a cronometragem, que ao passar a ser feita com recurso a transponders, fica alinhada com as restantes modalidades motorizadas e permite maior precisão nos tempos.

O circuito da Costilha apareceu também com novidades em termos de piso que aparece revisto e melhorado, em alguns pontos até aqui críticos e em termos de competição, regressamos às três corridas de qualificação e treinos cronometrados.

Super Buggy

O vencedor do troféu em 2016, Ludgero Santos (Tonyauto TNTT) começou bem, assinou o melhor tempo e demonstrou que este ano vai mais uma vez lutar pela posição da frente, nesta competição que agora é Campeonato.

Na corrida de qualificação  voltou a vencer, com uma vantagem de 4,4 segundos sobre Nuno Neto (Toniauto TNTT). Rafael Teixeira (Toniauto TT) fechou o dia com a terceira posição, à frente de Arménio Rodrigues (Atmos Strong), que cortou a meta com Paulo Godinho (PG Racing) colado.

IMG 8005 Ludgero Santos (Toniauto TNTT)

Super Iniciação

João Novo (Peugeot 106) entrou com o pé direito e assinou o melhor tempo dos treinos, batendo o estreante Rodrigo Correia, que conduz o antigo Peugeot 205 de Santinho Mendes, por 13 centésimas de segundo.

Na primeira corrida de qualificação valeu a experiência e João Novo voltou a ser o melhor. Logo de seguida, com mais 17 centésimas, cortou Rafael Rocha (Peugeot 106). Francisco Silva (Citroen Saxo), piloto a correr em casa e num circuito onde normalmente se dá bem, foi o terceiro.

Andreia Sousa (Toyota Starlet) foi quarta e naturalmente a melhor menina em pista. Classificou-se à frente de Pedro Domingos (Toyota Starlet), Rodrigo Correia e de outro estreante, Nuno Ralha Jr. (Citroen C2).

lousada iniciacao1 João Novo (Peugeot 106)

Super Nacional

Celmo Guicho (Renault Clio) puxou dos galões de Campeão e fez o melhor tempo, mas só por duas décimas, pois outro Campeão, Santinho Mendes, também puxou dos galões no momento em que se estreou na Super Nacional e estreou o Opel Astra em competição.

Na corrida Guicho aplicou a lei da “candeia que vai à frente alumia duas vezes” e venceu.  Sérgio Dias (Peugeot 106) usou a maior experiência para ser segundo, terminou com mais um segundo redondo do que o pilotos de Vila Real. Mesmo assim tinha Luís Morais (Peugeot 106) “à perna”, que após as cinco voltas da corrida foi três décimas mais lento.

Santinho Manteve-se ao ataque, pressionou e acabou a corrida em quarto, com mais meio segundo do que Luís Morais. José Sousa (Peugeot 306) e Daniel Sousa (Peugeot 106) completaram o grupo dos seis da frente e fica a promessa de grandes corridas para amanhã.

lousada nacional Celmo Guicho (Renault Clio)

Super 1600

Hélder Ribeiro (Citroen C2 S1600)) andou bem, ou melhor andou muito bem, para bater Bruno Gonçalves (Citroen Saxo Kit Car) por 15 milésimas de segundo! Para não destoar, João Ribeiro (Citroen Saxo S1600) rodou com mais 24 milésimas do que o primeiro.

Depois dos treinos a corrida de qualificação prometia, e não desiludiu, com emoção durante todas as voltas. João Ribeiro partiu bem, colocou-se na frente e sempre com muita pressão ganhou.

Hélder Ribeiro partiu em terceiro, pressionou Rui Sirgado (Citroen DS3 S1600), mas na sequência de um salto um pouco mais longo, na ida à joker lap, ficava pelo caminho. As coisas estavam longe de estarem decididas e puco depois era a vez de Bruno Gonçalves passar para segundo e aí terminar.

Joaquim Machado (Peugeot 206 S1600) a correr em casa lutou pelas posições de frente e fez “vida negra” ao homem do Saxo, mas no final faltaram-lhe sete décimas para ser segundo. Rui Sirgado baixava até ao quarto posto, à frente de André Sousa (Peugeot 207 S1600) e de Joaquim Pacheco (Citroen C2).

lousada s1600 João Ribeiro (Citroen Saxo S1600)

Super Car

Daniel Costa (Peugeot 106 Bimotor) foi uma espécie de vencedor anunciado, tendo sido o único a alinhar nesta corrida.

lousada scar Daniel Costa (Peugeot 106 Bimotor)

Kartcross

Após uma espécie de guerra sem quartel, em que os 12 primeiros terminaram o treino cronometrado no mesmo segundo, foi José Pereira (AG Sport) quem levou a melhor, com uma vantagem de oito centésimas sobre o Campeão em título, Pedro Rosário (Semog Bravo ER).

Vinte e sete pilotos em prova, três mangas para definir a primeira corrida de qualificação. Pedro Rosário dominou a respectiva manga e foi o mais rápido, pelo que terminou a primeira corrida na frente e a vantagem para Luís Almeida (Semog), foi de 1,5 segundos.

Nuno Bastos (ASK Evo 16) terminou com o terceiro posto, trazendo Mauro Reis (HSport) a oito décimas. O grupo dos seis da frente completou-se com Jorge Gonzaga (ASK R268) e José Pereira (AG Sport).

lousada kartcross Pedro Rosário (Semog Bravo ER)

O Eurocircuito de Lousada regressa à actividade amanhã, a partir das 09,30 horas, com a realização do Warm-up. Seguem-se a segunda e terceira corridas de qualificação, a partir das 10,30 e as finais iniciam-se às 17,00 horas.

 

Scroll To Top