Quarta-feira , Setembro 18 2019
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / NO ALGARVE PARA VENCER ENTRE OS T2
NO ALGARVE PARA VENCER ENTRE OS T2

NO ALGARVE PARA VENCER ENTRE OS T2

Nuno Tordo e Fernando Matias, estão dispostos a lutar com todas as suas armas, para assegurarem a vitória no grupo T2, que relançará um campeonato cuja estreia foi atribulada em Reguengos, mas que se espera possa prosseguir no Algarve, sem mais atropelos e indefinições.

O Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno não terá começado da melhor forma para a dupla Nuno Tordo / Fernando Matias, que foram obrigados a abandonar na prova de estreia a cerca de 30 Km do final do primeiro setor cronometrado, com o carter da Pathfinder partido, problema causado não por uma pancada, mas por um defeito no braço de suspensão do carro.

Ainda assim a dupla deixou bem marcada a sua presença na prova, já que arrasou a concorrência na super-especial, ganhando mais de dois segundos por quilometro ao segundo T2 e na corrida, abandonou quando já detinha uma confortável vantagem de mais de cinco minutos sobre o segundo da categoria.

Mas os realizadores deste “filme” que é o Campeonato Nacional de TT, mudaram as regras já com o mesmo a ser filmado, de forma a que alguns dos nossos adversários pudessem ficar tranquilos, nas suas aspirações ao título, eliminando da categoria T2 a Nissan Pathfinder, que estava autorizada a alinhar neste agrupamento, por uma extensão de homologação atribuída pela FPAK, ou seja partimos agora para o “Take 2” de um filme, que apenas começara a ser filmado, já não tem o mesmo argumento e terá um desfecho final talvez inesperado.

Mudança de argumento talvez para eliminar algumas personagens, mas no que toca aos protagonistas estes mantêm-se e estão dispostos a lutar de novo, pelos objetivos estabelecidos no início do ano, como confirma Nuno Tordo:

“A situação que se verificou e que teve agora o seu desfecho final, através de um comunicado da FPAK, é da inteira responsabilidade daquela entidade. Estou de consciência tranquila, relativamente aos passos que demos e posso garantir que com esta decisão fomos altamente penalizados quer moral, quer materialmente.

Mas nesta altura as alternativas estão encontradas e iremos ao Algarve utilizando uma solução de recurso, que nos vai permitir lutar de novo pela vitória que nos fugiu em Reguengos. Acho que vai ser uma prova muito disputada, com o piso abrasivo a recomendar alguma contenção, sendo necessário garantir um equilíbrio entre o andamento e a fiabilidade, 
principalmente no T2. Os furos são uma preocupação, tal como o facto de ser uma prova em linha, sendo necessário decidir qual a quantidade de combustível ideal para se levar a bordo, para cumprir a prova sem paragens, ou não! “

A nova máquina da dupla Nuno Tordo / Fernando Matias, preparada pela TIM competição, estará no Campeonato Nacional de TT, com as cores do Clube do Peixe, Viagens Youtravel, Licor Nacional, Lust, 200 KM e vinhos QVR.

 

Scroll To Top