Quinta-feira , Maio 13 2021
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / Nova Carrera Los 80’s já conta com 16 equipas confirmadas para Portimão
Nova Carrera Los 80’s já conta com 16 equipas confirmadas para Portimão

Nova Carrera Los 80’s já conta com 16 equipas confirmadas para Portimão

A nova competição Espanhola para carros de Turismo e GT, das décadas de 80 e inícios de 90, conta já com alguns dos mais míticos automóveis dos anos 80’s, quando estamos ainda a mais de 15 dias da prova. Com o formato habitual de semi-endurance com 2 provas de 40 Minutos, permitindo equipas de 1 ou 2 Pilotos.

A competição está dividida em categorias em função dos anos e cilindrada. Na Categoria para GR2 até 1981 conta já com 3 inscritos: o bem preparado VW Golf GTI MK1 de Paulo Duarte, o conhecido BMW 323i de Jorge Cruz e o mítico Ford Escort MK2 Ex-Rodam de Manuel Ferrão.

Na categoria até 1400cc que aceita carros homologados até 1994, de momento só existe um Fiat Punto entregue a Rui Silva, piloto já bem experiente neste tipo de carros.

Já na categoria até 2000cc Grupo A podemos encontrar outros dois carros muito interessantes, o Espanhol Antonio Maimo em VW Golf MK3 e a conhecida Volvo 850 Estate da Monteiros competição.

A categoria de carros Grupo A acima de 2000cc, limitada a homologações até 1990. Nesta podemos encontrar o intemporal Mercedes 2.3 16V de Tomas Moreno e dois BMW 635 nas mãos de Carlos de Miguel e Rui Garcia respetivamente.

A categoria GT COPA é neste momento a mais participada, admitindo GT com especificações Gr2 (até 1981) ou com especificações de Trofeu. Nesta podemos encontrar o Datsun 240Z de Paco Moreno, Pedro Bastos Rezende com um De Tomaso Pantera, dois Porsche 968 entregues a Lucas Gonzalez e Antonio Castro e ainda dois BMWs E36 tripulados por Teo Perez e Luis Palhão.

Com 15 dias até ao final das inscrições, Diogo Ferrão confessava que:“Era um risco começar esta competição Espanhola em Portugal, onde obviamente muitas equipas Espanholas tem mais dificuldade em estarem presentes. No entanto estamos surpreendidos com a adesão Portuguesa. Com um espírito muito parecido ao do Iberian Historic Endurance, torna-se normal que algumas equipas, que preferem correr de Toyos, escolham esta opção. Assim como dar a possibilidade de novas equipas Portuguesas que nunca tenham competido connosco possam desta forma fazer uma primeira experiência.”

&nbsp

Scroll To Top