Quinta-feira , Maio 13 2021
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Nuno Araújo pronto e motivado para a dura “batalha” dos S1600
Nuno Araújo pronto e motivado para a dura “batalha” dos S1600

Nuno Araújo pronto e motivado para a dura “batalha” dos S1600

Chegou a hora. Este fim-de-semana será “a doer” e Nuno Araújo e o ENI/EQS Racing Team estão prontos para a dura “batalha” que vão enfrentar.

O arranque é quase “em casa”.

O circuito da Costilha, em Lousada, vai dar o tiro de partida da época 2021 do PTRX que, no que concerne à Divisão S1600, tem tudo para ser a melhor de sempre, tal a quantidade e a qualidade de “montadas” e pilotos que vão alinhar.

Entre eles, estará o penafidelense Nuno Araújo que estreia este ano um Audi A1 S1600, preparado pela Volland Racing, carro que tem gerado muita expectativa nos meandros da modalidade.

O piloto sente-se “entusiasmado e motivado para começar a competir com o Audi. Estamos parados já há demasiado tempo e felizmente estamos de regresso à pista para correr”. Destaca o “enorme orgulho e responsabilidade igual que sinto por o ENI/EQS Racing Team e os nossos patrocinadores terem feito um enorme esforço em adquirir este Audi e pela confiança que, mais um ano, depositam em mim para os representar no Ralicross. Tudo farei para corresponder a essa aposta, dando tudo em pista para termos sucesso!”.

Quanto a objetivos, Nuno Araújo assume que “perante um cenário de quase duas dezenas de pilotos com armas idênticas, temos de nos focar primeiro em atingir a final, o que não será fácil para nenhum de nós e, chegados aí, então tentar tudo para poder lutar pelos pódios, continuando sempre com o foco na minha evolução como piloto e na adaptação ao carro, para sermos cada vez mais fortes. Em Lousada, vamos tentar escapar às habituais molhadas e rodar sempre forte, utilizando muito bem os treinos para afinar o Audi e levando em linha de conta que vamos enfrentar condições meteorológicas adversas e que podem transformar cada manga numa lotaria. Vamos estar na luta!”.

O piloto alerta para a necessidade de “perceber que vai ser muito duro. Sabemos que temos um carro competitivo, mas também temos perfeita noção de que necessito de me adaptar a ele e isso só se faz com muito treino e, sobretudo, com muita competição. Por outro lado, o plantel dos S1600 está recheado de grandes pilotos e de grandes carros, cuja competitividade é idêntica à do meu. O campeonato vai ser muito interessante e eu adoro competir assim”.

O Campeonato de Portugal de Ralicross DIATOSTA arranca já a 23, 24 e 25 de abril, no Eurocircuito da Costilha, em Lousada, sob a égide do CAL.

 

&nbsp

Scroll To Top