Terça-feira , Setembro 17 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / Os Peugeot 208 R2 voltam a rugir em pisos de asfalto
Os Peugeot 208 R2 voltam a rugir  em pisos de asfalto

Os Peugeot 208 R2 voltam a rugir em pisos de asfalto

 

 

Depois do longo interregno de verão, a PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA 2019 regressa à estrada no Rali Terras d’Aboboreira, a 4ª prova da presente temporada e última realizada em solo português.

Presentes nesta jornada que se desenrolará no triângulo Amarante/Baião/Marco de Canaveses, nos próximos dias 6 e 7 de setembro, estarão quase todos os candidatos aos títulos de 2019, numa lista presentemente liderada por Daniel Berdomás entre os Pilotos, pelo seu navegador David Rivero na tabela de Navegadores, enquanto a Inside ocupa a 1ª posição provisória entre as equipas inscritas na copa.

Este próximo encontro decidir-se-á nos 104,3 km das 10 classificativas de asfalto que compõem a prova (370,94 km de percurso total), palcos onde 14 ‘Leões’ irão evoluir, tentando impor os competitivos e robustos 208 R2 que servem de base à PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA, iniciativa conjunta da Peugeot Portugal e Peugeot Espanha.

 

Marco de Canaveses como centro nevrálgico, Baião como palco do troço espetáculo, o Rio Tâmega, em Amarante, paredes meias com uma especial, e a Serra do Marão a definir o resultado final, após 3 outros troços desenhados nesta triangulação. Resume-se, assim, em traços largos, o Rali Terras d’Aboboreira, a 4ª prova da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA 2019.

 

As 14 equipas inscritas, aos comandos dos seus Peugeot 208 R2, terão pela frente 2 Etapas, compondo-se, no seu conjunto, por 1 Super Especial e 5 classificativas, 4 delas percorridas por duas vezes. Serão 104,3 km contra o cronómetro, num rali que tem um percurso total de pouco mais de 370 km.

“À semelhança do que sucedeu na primeira edição, no ano passado, o equilíbrio continua a ser uma das notas dominantes da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA, refere José Pedro Fontes, da Sports & You, entidade a quem cabe colocar no terreno esta iniciativa conjunta da Peugeot Portugal e Peugeot Espanha. “Tal é visível quer pela relativa proximidade das pontuações à data, quer pelas lutas diretas que se têm travado nos diferentes troços dos três ralis já disputados, algo que também se deve, em muito, à quase idêntica e excelente preparação dos Peugeot 208 R2 que servem de base a esta competição ibérica”.

 

“Contando com a presença de muitos dos candidatos aos títulos de 2019, este Rali Terras d’Aboboreira promete novas e intensas batalhas nos troços de asfalto desenhados na região do Tâmega e Sousa, deixando-se, mais tarde, para as classificativas em Espanha as decisões finais da segunda temporada desta inédita copa de ralis”, acrescentou. “Neste lote infelizmente não consta o Daniel Nunes, piloto que ainda está a recuperar do acidente de viação que sofreu no início da Agosto. Em meu nome, em nome da organização e de todos os envolvidos na PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA reforço o desejo de francas melhoras, para que rapidamente possamos voltar a contar com ele e com a sua garra nos ralis nacionais.”

 

QUEM DESTRONA A IMPARÁVEL DUPLA BERDOMÁS/RIVERO?

Voltando a haver um equilíbrio entre duplas portuguesas (7) e espanholas (6), estando inscrita uma equipa não ibérica nesta 4ª prova da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA 2019, Daniel Berdomás e David Rivero apresentam-se decididos a manter a atual liderança e acrescentar o Rali Terras d’Abororeira ao seu pecúlio de 2 vitórias já registadas em 2019 (Sierra Morena e Rali de Portugal).

 

Entre os Pilotos, e somando, à entrada para esta prova, 65,93 pontos, Daniel Berdomás tem 18,55 pontos de vantagem sobre o seu compatriota Josep Bassas e 21,84 sobre o aqui ausente Daniel Nunes, aquele que é, à data o melhor representante luso. Seguem-se, a cerca de 15 pontos, Pedro Antunes, José María Reyes (que também não virá a esta prova) e Ruiari Bell, num grupo separado por pouco mais de 3 pontos. Já Carlos Fernandes aproveitará as ausências de Sergi Francoli, Georg Linnamae e Alberto Monarri (pilotos que atualmente fecham o top-10) para se afastar dos seus adversários.

Estão classificados mais 15 pilotos, estando, entre outros, Ricardo Sousa, Hugo Lopes e José Luís Pelaez à cabeça dos restantes para uma eventual subida no escalonamento.

 

Nos Navegadores, a vantagem do espanhol David Rivero para o português Paulo Lopes é bem mais dilatada, sendo de 36,31 pontos. Dos presentes nesta 4ª prova do ano, o britânico Darren Garrod e o espanhol Manuel Muñoz são quem mais poderá subir na classificação, aproveitando as ausências de Rui Raimundo, Diego Sanjuan, María Salvo, Volodymir Korsia, Valter Cardoso e de Axel Coronado, o atual 10º classificado. Estão classificados mais 17 nomes neste grupo. Numa lista muito dinâmica e cada vez mais diversificada, destaca-se a estreia na prova, nesta edição da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA, de 4 novos co-pilotos: os portugueses Bruno Abreu, Paulo Marques e João Vieira, mais o espanhol Candido Carrera.

 

Entre as Equipas, a Inside mantém-se líder da copa, somando 67 pontos, mas sem grande margem de manobra, já que a TRS Rally Team está somente a 3 pontos de distância. A GC Motorsport é 3ª, com 52 pontos. Estão, neste momento, classificadas 11 equipas.

 

Recorde-se que uma vitória vale 25 pontos, um 2º lugar 20 e um 3º 17, havendo ainda que contar com as restantes pontuações distribuídas pelo top-10 e o extra de 5 pontos a dividir pelas duplas que registarem os melhores tempos nos 10 troços do rali.

 

 

 

 

LISTA DE INSCRITOS DA PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA
Rally Terras d’Aboboreira 2019

Marco de Canaveses/Aboboreira/Baião, 6 e 7 de setembro de 2019

Piloto País Copa Copiloto País Equipa
* Daniel Berdomás ESP David Rivero ESP TRS Racing Team
* Josep Bassas ESP Junior Manuel Muñoz ESP GC Motorsport
* Pedro Antunes POR Junior Paulo Lopes POR The Racing Factory
* Ruairi Bell GBR Junior Darren Garrod GBR PT Racing
* Carlos Fernandes POR Bruno Abreu POR Inside Motor
* Ricardo Sousa POR Junior Alexandre Rodrigues POR Prolama **
* Hugo Lopes POR Junior Nuno Mota Ribeiro POR AMSport
* José Luis Peláez ESP Rodolfo del Barrio ESP GC Motorsport
* Santiago García ESP Junior Néstor Casal ESP Ares Racing **
* Ricardo Costa POR Junior Paulo Marques POR Macominho Sport
* Oscar Palomo ESP Junior Javier Martinez ESP Mavisa Sport
* Filipe Nogueira POR João Vieira POR TRS Racing Team
* Delbin García ESP Junior Candido Carrera ESP Delbincar **
* Paulo Moreira POR Marco Macedo POR Ares Racing

 

 

Notas: *) Os nºs de competição serão conhecidos quando a organização da prova publicar a Lista de Inscritos final; **) Equipas não inscritas na copa.

 

 

A ÚLTIMA JORNADA DA COPA EM PORTUGAL

Cumprida que está a primeira metade da temporada de 2019 da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA, que passou pelos troços de terra do Serras de Fafe, pelo asfalto da Sierra Morena e pelas demolidores classificativas de Arganil do Vodafone Rally de Portugal, a copa atinge a sua quarta jornada, de um total de seis, neste Rali Terras d’Aboboreira.

 

Organizada pelo Clube Automóvel de Amarante, esta jornada em asfalto integra 10 Especiais, que somam 104,3 km cronometrados, parte de um percurso total de 370,94 km. Dividido em 2 Etapas, o rali tem início em Marco de Canaveses pelas 15h00 de sexta-feira (6 setembro), dia em que os 208 R2 irão começar por bater-se na dupla passagem pelo troço Rio Tâmega (10,21 km), antes de rumarem à Super Especial de Baião (1,52 km). No sábado correm-se, em dupla ronda, os troços de Marco Rios de Emoção (10,95 km), Baião Vida Natural (10,36 km) e Carvalho de Rei (11,21 km), rematando-se a parte competitiva no troço de Marão (17,32 km). Restará, então, uma passagem pelo Parque de Assistência, no Largo da Feira de Marco de Canaveses, antes da consagração dos vencedores se fazer em Baião, no pódio montado na Av. 25 de Abril.

 

Acrescente-se que esta será a última prova corrida em solo luso no presente ano, seguindo-se o RACC / Catalunya – Rally de España (1ª Etapa), que marcará o cair do pano deste segundo ano da PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA no Rallye Ciudad de Madrid, nos arredores da capital da vizinha Espanha.

 

 

PROGRAMA DO RALI TERRAS D’ABOBOREIRA

Nota: As horas são indicativas, para o primeiro carro a sair para a estrada

 

Sexta-feira, 6 de setembro

15h00/15h30           Entrada das viaturas em Parque de Pré-partida

Largo da Feira (Marco de Canaveses)

16h00                         Cerimónia de Partida (Marco de Canaveses)

16h10/16h25           Parque de Assistência A – Largo da Feira (Marco de Canaveses)

16h40                         SS1 Rio Tâmega 1 (10,21 km)

17h00/17h15            Reagrupamento (Amarante)

17h50                         SS2 Rio Tâmega 2 (10,21 km)

19h10/tbc*              Reagrupamento (Baião)

tbc*                            SS3 Super Especial Baião (1,52 km)

tbc*                            Parque de Assistência B – Largo da Feira (Marco de Canaveses)

tbc*                            Entrada em Parque Fechado (Marco de Canaveses)

*: a definir de acordo com o final da prova das equipas do Campeonato do Norte de Ralis

 

 

 

Sábado, 7 de setembro

09h40                        Saída do Parque Fechado (Marco de Canaveses)

09h40/09h55          Parque de Assistência C – Largo da Feira (Marco de Canaveses)

10h05                         SS4 Marco Rios de Emoção 1 (10,95 km)

10h50                         SS5 Baião Vida Natural 1 (10,36 km)

11h45                         SS6 Carvalho de Rei 1 (11,21 km)

12h25/12h40           Reagrupamento (Marco de Canaveses)

12h40/13h10           Parque de Assistência D – Largo da Feira (Marco de Canaveses)

13h20                         SS7 Marco Rios de Emoção 2 (10,95 km)

14h05                         SS8 Baião Vida Natural 2 (10,36 km)

15h00                         SS9 Carvalho de Rei 2 (11,21 km)

15h40/16h10           Reagrupamento (Marco de Canaveses)

16h10/16h40           Parque de Assistência E – Largo da Feira (Marco de Canaveses)

17h35                          SS10 Marão (17h32 km)

19h00/19h10           Parque de Assistência F – Largo da Feira (Marco de Canaveses)

19h40                         Pódio em Baião (Av 25 de Abril)

Parque Fechado

 

Organizado pela Peugeot Portugal e Peugeot Espanha, a PEUGEOT RALLY CUP IBÉRICA tem o patrocínio da Huawei, Vodafone, Pirelli e Total e o apoio logístico da Sports & You.

 

Scroll To Top