Terça-feira , Agosto 20 2019
ÚLTIMAS
Home / RALLYCROSS / Primeira corrida de qualificação muito animada
Primeira corrida de qualificação muito animada

Primeira corrida de qualificação muito animada

 

Terminados os treinos livres, começou a primeira corrida de qualificação, com a Iniciação a ser a primeira categoria a entrar em pista. Uma pista que se encontrava muito escorregadia, devido à chuva que caiu. Felizmente, chuva que não foi tão forte como o esperado.

Santinho, nos Iniciados

O sorteio ditou a pole-position para Santinho Mendes (Peugeot 205), seguido de Rafael Rocha e Leandro Macedo (VW Polo). No arranque, Rafael Rocha (Peugeot 106) tomou a dianteira.Santinho Mendes é o primeiro a cumprir a Joker Lap, na volta inicial. No final desta volta é Leandro Macedo quem comanda, mas na volta seguinte Santinho Mendes passa para a liderança, seguido de Macedo. Rocha, já vem com algum atraso. Terminadas as cinco voltas, a vitória é de Mendes, seguido de Rocha. Macedo parou antes de completar a quarta volta.

Super Nacional, com vitória do Campeão

Os carros da Super Nacional, foram os seguintes a entrar em pista, divididos por três séries. A série A foi interrompida, devido a um capotanço de Magda Oliveira (Peugeot 106), sem consequências para a jovem piloto, para além alguma chapa amolgada. A nova partida seria adiada para o final da manga.

Na segunda série, a B, alinham quatro pilotos, com Celmo Guicho (Renault Clio) a liderar e a vencer.

Mais quatro pilotos, na série C, com a vitória a sorrir a Tiago Alexandre (Peugeot 306), depois de comandar todas as voltas. Uma série, marcada pelo acidente sem consequências, de Vera Cardoso, com o Fiat Uno.

Seguiu-se a série A, a que tinha sido interrompida. Desta vez, sem Magda Oliveira. Depois de liderar de todas as voltas, foi João Oliveira (Peugeot 206), o Pai de Magda, quem venceu.

Feitas as contas, entre todas as séries, a vitória na qualificação foi de João Oliveira, o Campeão em título, seguido de Celmo Guicho e de Tiago Alexandre. Todos eles com uma vitória nas suas séries. Depois classificou-se Arlindo Martins (Peugeot 306), seguido de Daniel Ribeiro (Peugeot 106). Dois pilotos que se estrearam esta época. Foi este o Top 5, desta primeira corrida da Super Nacional.

João Ribeiro, nos Super 1600

Duas séries de quatro pilotos, foi o que aconteceu na Super 1600, a categoria mais competitiva do Campeonato de Ralicross. Numa pista já com muita lama, a série A, teve como vencedor João Ribeiro (Citroën Saxo S1600), depois de a liderar durante as cinco voltas. Um tempo que lhe deu a vitória na manga.

A segunda série, teve o Campeão em título, Bruno Gonçalves (Citroën Saxo Kit-car) a vencer.

No final, Ribeiro foi o vencedor da corrida de qualificação, seguido de Ricardo Soares (Citroën Saxo S1600), Hélder Ribeiro (Citroën C2 S1600) e Bruno Gonçalves, a quem a vitória na série, não permitiu melhor do que uma quarta posição. José Artur Texeira (Citroën C2 S1600), fechou a classificação dos cinco primeiros.

Super Car, com quatro pilotos, foi a categoria que se seguiu.

Nos Super Car, Joaquim Santos (Ford Focus) não sentiu grande dificuldade em bater a concorrência. Em segundo classificou-se Ademar Pereira (Renault Megane), seguido por Daniel Costa (Citroën Saxo bimotor) e Vítor Lopes (BMW 325 IX).

Kartcross, deu vitória a Nuno Godinho

Três series, no Kartcross, foram as corridas que se seguiram. Muita animação, muita adrenalina e muitos pilotos a lutarem pela vitória.

Na série A, Nuno Godinho (Semog Bravo), Nuno Bastos (ASK) e Jorge Francisco (Semog Bravo SE), foram os que cortaram a meta primeiro, entre os oito que nela competiram.

Série B, também com oito e com Pedro Rosário (Semog Bravo ER) a vencer, seguido de José Mota (Semog Bravo) e de Daniel Rocha (Semog).

Na série C, que teve sete pilotos, Mário Rato (Semog), o vencedor de Lousada, foi o mais rápido, Seguiu-se-lhe Sérgio Bandeira (Semog) e Pedro Rabaço (HSport).

No computo das três séries, Nuno Godinho foi quem venceu, seguido de Mário Rato e Sérgio Bandeira. Depois classificaram-se Nuno Bastos, Jorge Francisco, Pedro Rosário, José Mota, José Luis Pereira, Pedro Rabaço e Daniel Rocha.

A próxima qualificação do Kartcross, só terá lugar amanhã de manhã.

 

 

Foto:Arquivo

 

Scroll To Top