Sexta-feira , Dezembro 14 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Primeira corrida muito disputada em Sever do Vouga
Primeira corrida muito disputada em Sever do Vouga

Primeira corrida muito disputada em Sever do Vouga

 

Kartcross

Corrida imprópria para cardíacos, como é habitual no Kartcross, com Nuno Bastos (ASK EVO 2014) a levar a melhor sobre José Mota (Semog Bravo), que tinha partida da quarta posição e “furou” até ser segundo.

Pedro Rosário (Semog Bravo ER) foi o terceiro, enquanto Luís Almeida (Semog Bravo ER) era o quarto classificado.

Super Iniciação 1400 – Troféu Ernesto Gonçalves

Pedro Pereira (Renault Clio) venceu a corrida. Francisco Silva (Citroen AX GTI) partiu da pole-position mas problemas mecânicos atiraram-no para a sexta posição final. Leandro Macedo (VW Polo) e Vitor Mendes (Peugeot 206) completariam o pódium, se o houvesse.

Super Nacional

Como habitualmente, devido à participação numerosa, a Super Nacional teve a Corrida 1 dividida em duas séries.

Na primeira João Oliveira (Peugeot 206) levou a melhor, à frente de José Sousa (Peugeot 306) e de Ademar Pereira (Reanult Megane).

Na Serie B, foi Tiago seguro (Peugeot 306) quem venceu, tendo em Ruben Lopes (Peugeot 106) e Tiago Martins (VW Golf).

Super 1600

Hélder Ribeiro (Citroen C2) venceu a primeira corrida e teve em Pedro Ribeiro (Peugeot 206) o seu principal adversário.  Hugo Lopes (Citroen Saxo Kit Car)foi terceiro. Pedro Almeida (Peugeot 206 S1600) teve um mau arranque que comprometeu a prova e Bruno Gonçalves (Citroen Saxo Kit Car), depois de comandar a maior parte da corrida, baixou para quinto, com o motor a falhar.

Super Cars

Mário Barbosa (Citroen DS3) venceu sem dificuldades a primeira corrida. Como se esperava Dany Moreau (Renault Clio Super Car) foi a oposição, tanto mais que Pedro Matos, embora tendo alinhado com o Citroen DS3 WRC, não tinha ainda resolvido os problemas mecânicos e terminou na última posição. Carlos Fernandes (Toyota Celica GT4) foi terceiro e o melhor da Super Nacional 4WD.

Equilíbrio de andamentos marca os treinos cronometrados

Terminaram as sessões de treinos cronometrados, altura em que os concorrentes tiveram os primeiros contactos com a pista do Alto do Roçário, em Talhadas, Sever do Vouga.

Na segunda Sessão de treinos cronometrados Pedro Rosário (Semog Bravo ER) retirou duas décimas e voltou a fazer o melhor tempo.  Após os treinos cronometrados detém a pole-position, com menos 491 milésimas que Nuno Bastos (ASK EVO 2014) e Luís Almeida (Semog Bravo ER) fez mais 529 milésimas.

Foi uma sessão de treinos muito emotiva, que na Super Iniciação deu a “pole” a Francisco Silva (Citroen AX GTI). Baixou o tempo e colocou Pedro Pereira (Renault Clio) a 36 milésimas de segundo e Santinho Mendes (Peugeot 205) a 80 milésimas, pouco mais do que um piscar de olhos separa os três primeiros.

João Oliveira (Peugeot 206) consolidou a primeira posição.  José Sousa (Peugeot 306) foi a surpresa, retirou o terceiro tempo a Ruben Lopes (Peugeot 306) por duas décimas. Tiago Seguro (Peugeot 306)mantém segura a segunda posição, na Super Nacional

Menos de duas décimas separam os três primeiros após a segunda sessão de treinos cronometrados da Super  1600. Bruno Gonçalves (Citroen Saxo Kit Car) mantém a “pole”, seguido de Pedro Almeida (Peugeot 206 S1600) a 129 milésimas e de Hélder Ribeiro (Citroen C2) que ficou a 192 milésimas.

Pedro Matos aparentemente não conseguiu resolver os problemas no motor do Citroen DS3 e “ainda não foi desta”… Mário Barbosa (Citroen DS3), Dany Moreau (Renault Clio Super Car) e Luís Tavares (Mitsubishi Lancer EVO VI) são os mais rápidos.  Carlos Fernandes (Toyota Celica GT4), com o quarto tempo é o melhor da Super Nacional 4WD.

1ª Sessão de treinos cronometrados

Pedro Rosário (Semog Bravo ER) fez a melhor marca dos Kartcross, bateu Nuno Bastos (ASK EVO 2014) e Luís Almeida (Semog Bravo ER) por 307 e 345 milésimas respectivamente. Os oito primeiros estão separados por pouco mais de oito décimas de segundo.

Santinho Mendes (Peugeot 205) teve um desempenho semelhante na Super Iniciação e de novo as diferenças foram inferiores a 0,4s. Francisco Silva (Citroen AX GTI) e Pedro Pereira (Renaul Clio) terminaram a 335 e 390 milésimas, respectivamente.

João Oliveira (Peugeot 206) foi o melhor na Super Nacional. A oposição veio de Tiago Seguro (Peugeot 306) a 728 milésimas e de Ruben Lopes (Peugeot 106) a 880 milésimas.

Bruno Gonçalves (Citroen Saxo Kit Car) foi o mais rápido da Super 1600, batendo Pedro Almeida (Peugeot 206 S1600)por 56 centésimas. Hugo Lopes levou o Citroen Saxo Kit Car até à terceira marca dos treinos cronometrados, com mais 698 milésimas que o mais rápido.

Mário Barbosa (Citroen DS3) fez o melhor tempo da sessão, bateu Dany Moreau (Renault Clio Super Car) por 1,5 segundos. A terceira marca foi para Luís Tavares (Mitsubishi Lancer EVO VI). Tão esperado Citroen DS3 de Pedro Matos apareceu pela primeira vez em Sever do Vouga, mas ainda não rodou. O motor falhava e a equipa decidiu atrasar a “estreia oficial” para a segunda sessão de treinos, dentro de momentos.

 

Scroll To Top