Sexta-feira , Junho 18 2021
ÚLTIMAS
Home / MONTANHA / PROBLEMAS NA CAIXA DE VELOCIDADES FORÇARAM PARAGEM DE HELDER SILVA
PROBLEMAS NA CAIXA DE VELOCIDADES FORÇARAM PARAGEM DE HELDER SILVA

PROBLEMAS NA CAIXA DE VELOCIDADES FORÇARAM PARAGEM DE HELDER SILVA

 

 

 

Depois a fabulosa prova na jornada inaugural do Campeonato Portugal de Montanha JC Group na Rampa da Arrábida, tudo apontava que Hélder Silva e o seu BRC iriam repetir a mesma luta com o Osella de José Correia, só que um problema técnico na caixa de velocidades acabou por inviabilizar tudo.

 

Mas a verdade é que Hélder Silva, começou logo a mostrar a sua tenacidade na 1ª subida de treinos, mostrando que estava ali para lutar pela victória à geral e na sua categoria entre os pilotos portugueses, e assim  fez toda a extensão da rampa de Boticas  e, 2.47.009 à média de 108,32 km/h, sendo o terceiro classificado entre os protótipos A. Na segunda subida, o BRC de Hélder Silva acaba por não subir, pois o piloto da Póvoa de Varzim esteve a fazer uns acertos no carro para a subida seguinte. Na terceira subida de treinos,  quando a meio da rampa junto do posto 23, é obrigado a renunciar com a caixa de velocidade encravada na 4ª.Sobre o que lhe aconteceu disse-nos “ são as tais coisas inesperadas que as corridas de automóveis têm, encravou a caixa de velocidade na 4ª, e pouco mais havia a fazer, resta-me regressar a casa. Aliás não tinha plano para correr amanha ( domingo) , pois tenho uma reunião de família importante, mas para a próxima prova, que será na Rampa Serra da Estrela, iremos estar presentes para lutar pela victória à geral, e em termos de categoria “, finalizou Hélder Silva.

 

Quanto a Carlos Oliveira e o Ford Sierra Cosworth, embora inscritos, acabaram por não comparecer às verificações técnicas e administrativas, isso tudo motivado por razões de ordem familiar que assim explica a ausência na Rampa de Boticas.

 

&nbsp

Scroll To Top