Quarta-feira , Junho 23 2021
ÚLTIMAS
Home / RALI / Rali de Mortágua adiado para 12 e 13 de Novembro de 2021
Rali de Mortágua adiado  para 12 e 13 de Novembro de 2021

Rali de Mortágua adiado para 12 e 13 de Novembro de 2021

O Rali de Mortágua, prova pontuável para o Campeonato de Portugal da especialidade e prevista para 10 a 11 de Julho, foi adiada para os dias 12 e 13 de Novembro do corrente ano, devido à previsão de temperaturas muito elevadas e com grande risco de incêndio.

 

A Câmara Municipal de Mortágua emitiu ao início da noite desta quinta-feira, um comunicado a explicar que «não estão reunidas as condições de garantir que o Rali de Mortágua possa ser desfrutado em pleno e em segurança devido ao grande risco de incêndios. O município mortaguense, presidido por José Júlio Norte, indica que a nova data da prova seja alterada para Novembro ou Dezembro.

Ao longo dos últimos anos, o município de Mortágua manteve uma parceria com o Clube Automóvel do Centro (CAC) para a realização do Rali de Mortágua, só interrompida o ano passado devido ao avançar da pandemia da Covid-19. Agora, devido aos incêndios, a autarquia decidiu não avançar com a realização da prova na data agendada e já comunicou ao CAC, entidade organizadora do Rali de Mortágua, bem como à Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK). Contudo, e face ao comunicado da autarquia de Mortágua, já foi solicitado à estrutura federativa que a prova avance para os dias 12 e 13 de Novembro de 2021.

«A Câmara Municipal, este ano, continua disponível para manter esta ligação ao CAC, que tem prestigiado as duas instituições e toda a região Centro, com um dos melhores ralis nacionais. Para isso tem que garantir todas as regras de segurança e respeitar todas as imposições da Direção-Geral de Saúde, Proteção Civil e Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios», refere a autarquia de Mortágua em comunicado.

«Dando cumprimentos a todos estes pressupostos e indo ainda mais longe, face à previsão de temperaturas muito elevadas e com grande risco de incêndio, ouvimos também os Bombeiros Voluntários de Mortágua e o senhor capitão Ribeiro, comandante do Destacamento da GNR, e todos foram unânimes em considerar que não estavam reunidas as condições mínimas para garantir a segurança na realização do Rali de Mortágua», pode ler-se na nota da autarquia.

Ainda de acordo com o comunicado, a Câmara Municipal refere que, «a juntar a tudo isto, temos a agravante de ainda estarmos a apenas a cerca de 50% dos níveis da vacinação cujo Centro está instalado no edifício dos Bombeiros Voluntários de Mortágua, onde toda a logística de apoio ao Centro de Saúde está a se feita pelos operacionais da corporação».

&nbsp

Scroll To Top