Quarta-feira , Setembro 18 2019
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Recordista Andrade na pole em Fronteira
Recordista Andrade na pole em Fronteira

Recordista Andrade na pole em Fronteira

 

Arrancou hoje de forma definitiva a vigésima edição das 24 Horas TT Vila de Fronteira. A prova alentejana, que tem par apenas em França com as 24 Horas de Paris. Com quase nove dezenas de equipas inscritas o dia foi reservado aos procedimentos de verificações técnicas e administrativas antes do arranque oficial da prova do ACP Motorsport.

Com a azáfama a começar bem cedo pela manhã as formalidades obrigatórias foram sendo cumpridas e ultrapassadas pelas formações que a partir de amanhã irão enfrentar os 17 quilómetros do Terródromo de FronDepois da equipa oficial da X-Raid presente em Fronteira ter dominado os treinos livres ao registar a melhor volta ao Terródromo em 10:20.536 minutos, a supremacia das viaturas de Classe E veio à tona nos treinos cronometrados.

A equipa luso-francesa liderada por Mário Andrade levou o AC Nissan Proto a mais uma pole-position para as AFN 24 Horas TT Vila de Fronteira, tirando, sem surpresas, praticamente 45 segundos (9:36.353 minutos) ao tempo registado pelos pilotos italianos da X-Raid nos treinos livres. “A pista está ligeiramente mais molhada do que ontem o que é positivo para nós. Nas primeiras voltas apanhámos algumas viaturas mais lentas o que acaba por ser um pouco chato, mas faz parte da corrida. Estamos aqui para lutar pela vitória”, explicou Cédric Duple, responsável pela volta mais rápida da equipa de Mário Andrade.

Assim, o AC Nissan Proto partirá para a mais de resistência mais dura do TT Nacional na frente, logo seguida do Mmp Rally Raid dos portugueses Ricardo Porém e Pedro Grancha e do Caze Tomahawk da equipa francesa JC Brochard. Para Ricardo Porém, responsável pela volta mais rápida da equipa de Laurent Poletti começar na frente não é importante numa prova tão longa. “Apanhei um pouco de trânsito na volta lançada o que acabou por me fazer perder algum tempo, ainda assim não é muito importante se saímos em primeiro, segundo ou terceiro uma vez que esta é uma prova muito longa e que só se decide no final”, explicou o Campeão Nacional de TT, que na prova de amanhã tentará evitar o sexto triunfo da equipa de Mário Andrade na prova alentejana.

 

Scroll To Top