Quarta-feira , Dezembro 12 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / Regresso do Safari não será em 2019
Regresso do Safari não será em 2019

Regresso do Safari não será em 2019

 

Depois da sua recente visita ao Quénia onde se encontrou com o Chefe de Estado daquele daquela pais africano -Uhuru Kenyatta, e na presença dele seguiu de perto o Rally Safari ilegível para o C. de África de Ralis, o presidente da FIA Jean Todt, declarou que o Rally Safari Rally não fará parte do Campeonato Mundial de Rali no próximo ano.

“Estou apoiando para que o Safari possa voltar. É verdade que ficaria muito feliz se o WRC pudesse organizar um evento em África nos próximos anos. A FIA é global, o WRC é global e eu sinto que a África não deve ser esquecida. O Safari Rally não foi a principal razão pela qual eu estive em África, pois aproveitei a oportunidade para me encontrar com o presidente do Quénia, e da Federação de Automobilismo local onde vi um grande entusiasmo. Eles devem ser um evento candidato para mostrar que eles podem justificar sua inclusão no calendário, isso não acontecerá em 2019. “

A chave para o regresso do Safari passa pela segurança nas suas especiais. Embora Todt queira que a resistência permaneça como parte do ADN dos Ralis, ele sabe muito bem que a competição em estradas abertas não é mais possível no Quénia. “Se organizarmos um evento em África, todas as medidas de segurança serão tomadas. Sabemos que tal foi possível há 30 anos atrás, mas agora não é mais aceitável. Os tempos mudam, às vezes para o bem, às vezes não é tão bom para os fãs, mas é assim que as coisas são.”

 

CARLOS DA SILVA

 

Scroll To Top