Terça-feira , Fevereiro 19 2019
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / RENAULT SPORT TROPHY PROMETE MUITA ANIMAÇÃO
RENAULT SPORT TROPHY PROMETE MUITA ANIMAÇÃO

RENAULT SPORT TROPHY PROMETE MUITA ANIMAÇÃO

O Renault Sport Trophy terminará a sua segunda época no Circuito Estoril. Enquanto Fabian Schiller já assegurou o título de campeão na categoria AM, na categoria PRO falta ainda decidir o título “Endurance” e de “Equipas”. Entre os portugueses, Miguel Ramos tudo fará para chegar à vitória, enquanto Pedro Moleiro estará condicionado pela estreia, mas determinado em tirar partido do conhecimento da pista.

 

O traçado técnico do Circuito do Estoril fecha, com chave de ouro, a temporada do Renault Sport Trophy.

Quatro candidatos para o título PRO

Com 50 pontos em disputa e a exclusão do pior resultado da época, há quatro candidatos ao título na categoria PRO – que vale um teste com a equipa de fábrica NISMO no Super GT.

Pieter Schothorst (Equipe Verschuur) lidera as operações desde a jornada do Red Bull Ring e pode chegar ao título ainda no sábado. No entanto, o holandês terá que estar atento aos rivais Kevin Korjus (R-ace GP), que impressionou no teste de inverno, mas também a Markus Palttala (Team Marc VDS EG 0,0) e a David Fumanelli (Oregon Team).

O português Pedro Moleiro (Oregon Team) fará a sua estreia nesta competição.

Categoria AM pronta para dar espetáculo

Depois de conquistar o título em Spa-Francorchamps, Fabian Schiller (Team Marc VDS EG 0,0) quer terminar a temporada em estilo. Apesar dos 80 kg de lastro que terá o seu Renault Sport R.S. 01, o alemão partirá nas mesmas condições que o companheiro de equipa Fran Rueda (Team Marc VDS EG 0,0) e Fredrik Blomstedt (R-ace GP). A luta pela segunda posição final do campeonato, está, pois, em aberto, tal como a batalha que decidirá o título de Equipas, entre a Marc VDS e a Equipe Verschuur.

Com o trio acima obrigado a correr com o máximo lastro, o “herói local” Miguel Ramos (Equipe Verschuur), Jelle Beelen (V8 Racing) e Christophe Hamon (Duqueine Engineering), com handicaps de 50, 50 e 5 kg, respetivamente, também não desperdiçarão qualquer oportunidade para brilharem.

Jornada decisiva na Endurance

A jornada do Estoril também decidirá a classificação final da categoria Endurance. Fredrik Blomstedt (R-ace GP) parte com 13 pontos de vantagem sobre Markus Palttala e Fabian Schiller (Team Marc VDS EG 0,0), 15 à frente de Kevin Korjus (R-ace GP) e 23 na dianteira de Jeroen Schothorst (Equipe Verschuur). Ao piloto sueco, associado a Raoul Owens, bastará um terceiro lugar para chegar ao título, mas os seus rivais ainda não disseram a última palavra.

Enquanto Philippe Haezebrouck (R-ace GP) tentará ajudar Kevin Korjus a chegar ao título, nenhum dos outros pilotos terá nada a perder para alcançar o mesmo objetivo. Com Steijn Schothorst e Miguel Ramos (Equipe Verschuur) à procura da primeira vitória, Tanart Sathienthirakul e Fran Rueda (Team Marc VDS EG 0,0) partem à procura do segundo triunfo.

Em pista, também prometem evidenciar-se Lonni Martins – Christophe Hamon (Duqueine Engineering), David Fumanelli – Andres Mendez (Oregon Team), Nicky Pastorelli – Jelle Beelen (V8 Racing), Anders Fjordbach – Dennis Andersen (High Class Racing), Dario Capitanio – Davide Roda (Oregon Team) e Pedro Moleiro – Adalberto Baptista (Oregon Team).

 

Sexta-feira, 21 outubro 2016

8h20 – 9h15 Teste Coletivo 1

12h35 – 13h30 Teste Coletivo 2

16h35 – 17h30 Teste Coletivo 3

 

Sábado, 22 outubro 2016
9h45 – 10h05 Qualificação PRO

15h10 – 16h15 Corrida 1

 

Domingo, 23 outubro 2016
8h55 – 9h25 Corrida 2

11h45 – 12h15 Corrida 3

 

Scroll To Top