Quarta-feira , Dezembro 12 2018
ÚLTIMAS
Home / TODO-O-TERRENO / Rómulo Branco forçado a abandonar
Rómulo Branco forçado a abandonar

Rómulo Branco forçado a abandonar

Problema com a pressão de combustível impediu piloto luso angolano de terminar

A dupla formada por Rómulo Branco e João Serôdio, aos comandos da Toyota Hilux, foi hoje obrigada a abandonar a Baja TT Idanha-a-Nova no momento em que ocupava o segundo posto da classificação geral da categoria auto. 

A equipa imprimiu um excelente andamento desde o início da prova conseguindo, rapidamente, alcançar Ricardo Porém. Em CP2 o piloto luso angolano era já o segundo mais rápido em pista mantendo a posição até CP3. Rómulo Branco apenas perdeu tempo para Miguel Barbosa, o líder da corrida, porque teve que limitar o seu andamento devido ao pó de Ricardo Porém, que seguia num ritmo mais lento, o que o impossibilitou de se aproximar do primeiro posto. 

Mas, após CP3 um problema com a pressão de combustível obrigou Rómulo Branco a parar inviabilizando a sua continuação na corrida: “estávamos a fazer uma excelente prova e conseguimos ganhar bastante tempo aos pilotos da frente. Como havia muito pó perdemos algum tempo para o primeiro classificado. Contudo, estivemos sempre motivados para lutar por uma boa posição. Após passarmos CP3 ficámos sem pressão do combustível o que não nos permitiu finalizar a prova. Sabemos que estas situações acontecem e, aliás, já estamos a pensar na próxima prova do campeonato onde esperamos ter melhor sorte” referiu o piloto luso angolano.

O Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno regressa nos dias 26 e 27 de Setembro altura em que se vai disputar a primeira Baja TT Rotas do Douro prova que será acolhida pelas cidades de Vila Nova de Gaia e Régua.

 

Scroll To Top