Terça-feira , Março 26 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / SANTOS, SANTOS E SANTOS NO PÓDIO DOS BUGGIES(por Rodrigo Vasconcelos)
SANTOS, SANTOS E SANTOS NO PÓDIO DOS BUGGIES(por Rodrigo Vasconcelos)

SANTOS, SANTOS E SANTOS NO PÓDIO DOS BUGGIES(por Rodrigo Vasconcelos)

Com nove participantes, e aguardando-se mais na próxima prova, os Super Buggy vieram para ficar. Luís Santos, iniciou a temporada a vencer.
Dos 10 inscritos, houve uma falta, a de Arménio Rodrigues. Uma revisão feita ao carro, não foi terminada a tempo. Vai a Mação.
Depois, duas estreias. Dois novos pilotos, nos Super Buggy, vindos de outras modalidades. Alberto Costa e Nelson Barata. Correram e gostaram.
Quanto à prova, houve alguma emoção, o público gostou do que viu e foi um bom arranque.
Nos treinos, os cinco lugares da frente, foram ocupados por Luís Santos, António Santos e Ludgero Santos, José Pereira e Miguel Ferreira. Seguiram-se Jorge Fonseca, Manuel Guerreiro a Nelson Barata. Se qualquer voltas cronometrada, ficou Alberto Costa.
Nas qualificações, Luís Santos ganhou as três séries em que correu, António Santos cometeu igual façanha em duas, ficando a outra na posse de Ludgero Santos.
Grelha para a final, com Luís Santos (pole-position), António Santos e Miguel Ferreira, que regressou este ano, na linha da frente.
Depois, Jorge Fonseca e Ludgero Santos. Terceira linha composta por Nelson Barata, Alberto Costa e Manuel Guerreiro.  José Pereira, porque só alinham oito nas finais, ficou de fora. Alguns problemas mecânicos, levaram a isso.
Na final, Luís Santos deu igual receita, do que aconteceu nos treinos e nas corridas de qualificação. Venceu. Em segundo, terminou António Santos, que partiu do segundo lugar da grelha. No terceiro posto, o outro Santos, Ludgero. Um pódio que fazia lembrar o 1º. de novembro. Ou seja, o dia de todos os Santos.
Um pouco mais trás, a luta foi pelo quarto lugar. Jorge Fonseca foi quem o conquistou, seguido de perto por Manuel Guerreiro. Mais atrás terminaram Miguel Ferreira e Alberto Costa.
Azar para Nelson Barata que não fez mais do que uma volta, face a um problema mecânico.
A próxima é em Mação. Uma jornada que promete, pois poderá vir a ter mais inscritos.

 

Scroll To Top