Sexta-feira , Junho 18 2021
ÚLTIMAS
Home / RALI / Transmissão trava EFC Rally Team no Rali de Portugal
Transmissão trava EFC Rally Team no Rali de Portugal

Transmissão trava EFC Rally Team no Rali de Portugal

 

Uma participação curta no Rali de Portugal deixa a dupla Ernesto Cunha / Rui Raimundo com água na boca após um problema mecânico na terceira Prova Especial de Classificação, que impossibilitou a equipa de continuar. A dureza dos troços, aliada à “juventude” de um novo carro poderão ter contribuído para o abandono.

Apesar da motivação e do incremento de ritmo progressivo que estava a ser imposto pela equipa, a quebra de uma transmissão na zona final da especial Arganil 1 ditou a desistência forçada logo na manhã se sexta-feira. Até então, Ernesto Cunha afirma: “estávamos a sentir-nos muito bem com o carro, a começar a apanhar o andamento do rali e a divertir-nos nestes primeiros quilómetros de especiais”.

 

O sabor amargo desta participação na prova organizada pelo ACP intensifica-se pois a equipa começava a demonstrar provas de coesão e revelava-se pronta para se tentar aproximar dos pilotos da frente na Peugeot Rally Cup Ibérica.

“A transmissão cedeu a um quilómetro do fim do terceiro troço. O Rui Raimundo fez de tudo para que pudéssemos, pelo menos, chegar à assistência, mas não tivemos alternativa à desistência. Já estamos de olhos postos na próxima prova, visto que ainda estamos no início da época e temos muito trabalho pela frente”, afirma o piloto do Peugeot.

É com esta atitude focada e motivada que a EFC Rally Team se prepara para o próximo desafio, o Rali de Castelo Branco, prova disputada em asfalto entre os dias 11 e 13 de junho. Está planeada ainda uma sessão de testes para que a equipa possa encontrar a melhor afinação possível para este tipo de pisos e garantir uma transição positiva desde a última prova em terra.

&nbsp

Scroll To Top