Segunda-feira , Julho 22 2019
ÚLTIMAS
Home / RALI / Tribunal reconhece falha de equipamento na morte de Bugalski (por Carlos da Silva)
Tribunal reconhece falha de equipamento na morte de Bugalski (por Carlos da Silva)

Tribunal reconhece falha de equipamento na morte de Bugalski (por Carlos da Silva)

 

Terminou o longo processo judicial que oponha a família de Philippe Bugalski à empresa que alugou ao ex-piloto de Ralis uma plataforma elevatória que o fez cair acidentalmente, quando este procedia a poda de umas árvores na sua propriedade localizada em Vaudoué perto de Fontainebleau, no departamento de Seine-et-Marne, provocando-lhe a morte a 10 de Agosto de 2012.

Após uma longa investigação, concluiu-se que a plataforma utilizada tinha duas anomalias relacionadas com a sua manutenção e com o seu mecanismo de orientação. O Tribunal de Fontainebleau – França, responsabilizou o proprietário da empresa “LA” por homicídio e ferimentos involuntários condenando aquela empresa a uma multa de 20.000 € pelas falhas de segurança no equipamento e mais 330.000 € pela indemnização da sua morte.

Natural de Busset perto de Vichy, Bugalski “Le Petit Bug” tinha 49 anos e foi – entre outros sucessos desportivos, por três vezes campeão de Ralis francês entre 1998 e 2000 num Citroen Xsara Kit Car, tendo vencido em 1999 os Ralis da Catalunha e do Tour de Corse pontuáveis para o WRC. Philippe era casado com Beatrice e tinha duas filhas, Victoria e Marine.

Hommage Philippe Bugalski: https://www.youtube.com/watch?v=dqtQ5qpM3To

Leia mais em: http://www.autonewsinfo.com/…/le-soulagement-pour-la-famill…

 

Scroll To Top