Segunda-feira , Julho 15 2019
ÚLTIMAS
Home / VELOCIDADE / VELOCIDADE NACIONAL EM DESTAQUE NO CENÁRIO EUROPEU DA RAMPA DA FALPERRA
VELOCIDADE NACIONAL EM DESTAQUE NO CENÁRIO EUROPEU DA RAMPA DA FALPERRA

VELOCIDADE NACIONAL EM DESTAQUE NO CENÁRIO EUROPEU DA RAMPA DA FALPERRA

Este fim de semana a Velocidade Nacional subiu à montanha e os diversos Campeonatos estiveram em destaque na carismática Rampa da Falperra, que recebeu uma vez mais, os especialistas internacionais do Campeonato Europeu de Montanha.

 

 Depois da jornada intensa disputada ontem, Sábado, no traçado espetacular da Rampa da Falperra, em que estiveram presentes com o sempre alguns milhares de entusiastas pela modalidade, a competição continuou acesa na Falperra, com os triunfadores de ontem a tentarem manter as suas posições de vantagem e os seus mais diretos perseguidores fazerem tudo para os conseguirem bater, na manhã solarenga de Domingo.

Mas poucos foram os que conseguiram os seus intentos, sendo de destacar que de entre os 147 inscritos, foram as lutas entre os participantes no CNV e na suas variantes de Clássicos, que mais interesse despertaram a todos, a par com a caravana do Europeu de Montanha, que trouxe até nós máquinas e pilotos com fantástica preparação e capacidades para este tipo de competição.

 

CAMPEONATO NACIONAL DE VELOCIDADE

 No Domingo, a dupla Carlos Vieira / Pedro Salvador (Tattus PY 112) que já ontem tinha sio a mais rápida de entre os cinco participantes nesta competição, manteve a liderança, mas em carro idêntico, Miguel Barbosa e José Pedro Fontes, conseguiram aproximar-se bastante dos tempos efetuados pela dupla vencedora, o que denota haver bastante equilíbrio de forças. Só que esta dupla não compareceu na segunda subida de ontem, pelo que, pelo regulamento não pode ser classificada na geral final.

Da terceira posição, desapareceram entretanto Eugénio e Sergio Montez (Norma M20 FC) que tiveram um acidente feio no sábado, garantindo António Nogueira a subida de dois lugares (2º), seguido pela dupla Gonçalo Manahu / Manuel Castro.

 

CAMPEONATO NACIONAL DE CLÁSSICOS CIRCUITOS

 No que respeita ao Campeonato Nacional de Clássicos Circuitos, Nogueira (Ford Capri 3100 RS) voltou a brilhar e conseguiu mesmo garantir o triunfo na subida de hoje, ainda que na soma de tempos, Rui Costa (Ford Escort RS 1600) garanta a vitória, pois o homem do Ford Capri, não alinhou na segunda subida de ontem e o resultado final é a soma das quatro…

João Macedo e Silva (Porsche 911 RSR) subiu a segundo (a mesma classificação entre os H75) ao passo que Jorge Loures (BMW) também subiu um lugar logo atrás do  Ford e do Porsche, comandando entre os H71.

 

 

CAMPEONATO NACIONAL DE CLÁSSICOS CIRCUITOS – 1300

 Também tal como ontem, Vitor Araújo (Datsun 1200) – com uma condução absolutamente espetacular –  garantiu a vitória, realizando o melhor tempo absoluto e na sua classe (H75) e  José Fafiães (Datsun 1200) baixou um pouco de rendimento, deixando que Arnaldo Marques (Datsun 1200 – H71) ocupasse o segundo lugar que foi seu por direito próprio no sábado.

Arnaldo Marques garantiu de novo o melhor tempo entre os H71, à frente de João Peixoto (Mini Cooper S)  e  Nuno Dias (Fiat 127 Abarth) com  Miguel Pinheiro (Datsun 1200) a segurar o quinto posto, à frente de Fafiães (3º H75).

 

LEGENDS CUP

 Luis Barros (For Sierra RS 500) Luis Sousa (BMW M3) e João Mendes (BMW M3) foram os mais rápidos na subida de domingo da Legends Cup, qualquer deles inscrito na categoria LC 90, pelo que o homem do Porsche não teve dificuldades em manter a liderança nesta categoria, melhorando até o seu desempenho, em relação ao dia de ontem.

Na outra categoria constante desta especialidade (LC99) Capela Morais em Peugeot 309 GTI, também não teve adversários, batendo sem dificuldades o Citroen Saxo de José Cardoso.

 

CHALLENGE DESAFIO ÚNICO 1 e 2

 Tiago Vilela / Hugo Negrais, foram os mais rápidos da categoria FEUP 2, na manhã de domingo com os Alfa Romeo 156,  à frente da dupla André Pinto / João Brites e José Francisco / Pedro Cerqueira, que garantiram o terceiro posto, com os tempos obtidos a serem muito idênticos aos alcançados no sábado, tal como era de esperar.

Na Categoria FEUP 3, Luis e Raúl Delgado, foram de novo os mais rápidos a subir a Falperra com Fiat Punto 85, garantindo as melhores posições, de novo à frente da dupla Alexandre Gonçalves / Paulo Ribeiro e de José João Magalhães / Paulo Rodrigues.  André Pinto / Marcos Teixeira, baixaram ao quarto lugar, mas acabaram por ter, também eles, uma fantástica atuação.

 

TROFÉU ABARTH 500

Referencia ainda para os três Abarth 500 Asseto Corse, presentes tripulados por Nuno Cardoso, Rui Pinheiro e Adriana Barbosa, que correram integrados na prova do CNV.  Nuno Cardoso foi de novo o mais rápido dos três à frente de Adriana Barbosa e Rui Pinheiro, qualquer deles a cumprir com distinção a prova da Falperra.

 

Poderá aceder à informação após treinos e prova e a fotos do evento, através do site www.racingweend.com.pt.

 

Scroll To Top