Quarta-feira , Dezembro 19 2018
ÚLTIMAS
Home / RALI / VITÓRIA PARA SEBASTIEN LOEB E 3º LUGAR PARA TIMMY HANSEN
VITÓRIA PARA SEBASTIEN LOEB  E 3º LUGAR PARA TIMMY HANSEN

VITÓRIA PARA SEBASTIEN LOEB E 3º LUGAR PARA TIMMY HANSEN

 

 

DUPLO PÓDIO DO TEAM PEUGEOT TOTAL NO WRX

 

12 e 13.05.2018 | 3º PROVA – METTET (Bélgica)

 

Piloto do Team PEUGEOT Total, Sébastien Loeb andou a fundo no PEUGEOT 208 WRX rumo à vitória na Bélgica. O nónuplo Campeão do Mundo de Ralis demonstrou a sua habilidade e talento ao longo de um evento que o catapultou para uma vitória na sua Meia-Final e outra numa emocionante Final. Loeb esteve acompanhado no pódio por Timmy Hansen, seu companheiro no Team PEUGEOT Total, piloto que foi 3º da geral. Este resultado robusto elevou o Team PEUGEOT Total ao 2º lugar na tabela de Equipas do World RX, enquanto Loeb se aproximou da liderança do Campeonato de Pilotos.

 

 

  • Sébastien Loeb garantiu excelentes resultados na Q1 e Q2 de sábado. Já no domingo de manhã, esteve em trabalhos nas desafiantes condições em que se disputou a Q3, vendo limitadas as oportunidades de ultrapassagem, problema que ultrapassou na Q4, vindo a terminar as eliminatórias no 4º lugar da geral. Depois, na sua Meia-Final, o piloto francês registou uma impressionante performance, garantindo a vitória, chamando a si, com isso, a pole-position para a Final. Mantendo uma elevada cadência, a aproveitar ao máximo os 600 cavalos de potência do seu PEUGEOT 208, liderou uma árdua batalha para alcançar a sua 1ª vitória numa Final do World RX 2018, resultado que o promove à 2ª posição no Campeonato de Pilotos.

 

  • Timmy Hansen teve um excelente arranque em Mettet, alcançando a 2ª e 3ª posições na Q1 e Q2, respetivamente. Depois ascenderia ao 1º lugar na Q3, sendo 7º na Q4, terminando em 2º da geral nas eliminatórias. Saindo da pole-position na sua Meia-Final, foi violentamente empurrado no arranque por Bakkerud, caindo para 6º no final da primeira volta. Tal despoletou a heroica recuperação de Hansen, com o ás do volante do PEUGEOT 208 WRX a escalar lugares ao longo da corrida, culminando numa 3ª posição final, suficiente para lhe garantir um lugar na Final, onde, de novo, recuperou de 6ª no arranque até ao 3º lugar na linha de chegada. Foi o seu primeiro pódio nesta temporada.

 

  • Kevin Hansen registou uma excelente demonstração do seu talento durante todo o fim de semana, alcançando algumas performances promissoras e excelentes tempos na Q1 (5º mais rápido) e Q2 (6º). Ele iniciou a Q3 numa ótima forma, destacando-se com o seu distintivo PEUGEOT 208 WRX amarelo, liderando a quase totalidade da corrida, até que um erro na sua joker lap lhe saiu muito caro, pois, ao deixar o motor ir abaixo, viria a acabar a sessão em 15º. Foi, depois, 10ª na Q4, terminando as qualificações em 9º da geral, posição que lhe deu um bilhete para a sua primeira Semi-Final deste ano. Partindo de trás e mesmo não tendo conseguido um lugar na Final, o mais novo dos Hansen provou ter o talento necessário para competir com os melhores.

 

  • Após dois 2ºs lugares em Barcelona e Montalegre, este duplo pódio PEUGEOT e a vitória de Sébastien Loeb em Mettet traduz-se numa grande recompensa para o Team PEUGEOT Total. Nos bastidores, mecânicos e engenheiros trabalharam incansavelmente no lançamento deste novo programa de competição do World RX, após a impressionante 3ª vitória consecutiva no Rali Dakar, em Janeiro.

 

 


 

 

 

Bruno Famin, Diretor da PEUGEOT SPORT

“É um bom resultado e é exatamente aquilo para que estamos a trabalhar. No geral, o fim de semana foi muito interessante, com todas as equipas principais muito próximas, tendo os nossos pilotos feito um trabalho muito bom. Vimos isso em todas as Qualificações, nas Meias-Finais e na Final, com lutas muito intensas, especialmente fruto das mudanças nas condições climatéricas no domingo. Fizemos boas escolhas de ‘set-up’ e os pilotos conseguiram encontrar o seu caminho. Foi muito difícil, com todos os incidentes no início da Semi-Final e da Final, mas estou muito feliz com o resultado, porque demonstra o nível de performance da equipa. Temos trabalhado imenso desde o início da temporada e é muito bom ver o Team PEUGEOT Total alcançar a vitória na terceira corrida do ano: estamos um pouco adiantados face ao que tínhamos estimado, mas isso é bom para a equipa.”

Sébastien Loeb, Piloto do Team PEUGEOT Total (PEUGEOT 208 WRX #9)

“É a segunda vitória na minha carreira no World RX e a primeira na presente temporada. Já tinha subido ao pódio por duas vezes, pelo que é ótimo manter esse ímpeto e, agora, vencer aqui. É uma bela conquista e estou realmente feliz por toda a equipa. Eles merecem-no. Dar-lhes esta primeira vitória é um verdadeiro prazer. Na Final, pensei que o Mattias já tinha feito a ‘joker’ e que estava a lutar pelo 2º lugar, mas na última curva, ele entrou na ‘joker lap’ e eu ganhei. Não esperava, foi uma sensação incrível. A pista aqui na Bélgica é, realmente, um desafio: há que se ser muito preciso e qualquer pequeno erro é difícil de controlar. Cada volta, cada curva é tão exigente. Para ser honesto, não sabíamos o que esperar no início da temporada, nomeadamente, como se nivelariam todas as equipas. Houve alguns pequenos desenvolvimentos e, agora, finalmente vimo-nos em plena batalha, no meio de uma luta intensa com todos os outros construtores. É muito agradável conseguir estar na frente.”

Timmy Hansen, Piloto do Team PEUGEOT Total (PEUGEOT 208 WRX #21)

“Obviamente que quando se arranca da ‘pole’ não se está à espera de cair para último e quando fiz o peão na curva 1 na Meia-Final ainda achava que era possível recuperar, pois todos tinham ainda que fazer a ‘joker lap’ e eu estava muito rápido. Quando, finalmente, fiz a ‘joker’, saí de lá em 6º, e vi que os da frente também já a tinham feito. Por um segundo, pensei que tudo tinha acabado, mas depois encontrei alguns ‘buracos’ para ultrapassar, e decidi aproveitar todas as oportunidades! Fiquei, por isso, muito feliz por ter garantido um lugar na Final. Arranquei de 6º e vi-me a sair da curva 1 em 2º, logo atrás do Seb, perseguindo-o ao longo de toda a corrida. Fizemos a ‘joker’ em simultâneo e o Petter acabou entre nós. Acho que o Team PEUGEOT Total realmente mereceu esta vitória e este duplo pódio. Temos que lembrar-nos que, na verdade, trata-se de uma nova equipa e que já se está a fazer um trabalho impressionante. Há tantas pessoas novas e esta foi só a terceira corrida em conjunto, mas já temos um ótimo resultado.”

Kevin Hansen, Piloto do Team PEUGEOT Total (PEUGEOT 208 WRX #71)

“Acho que foi um fim de semana muito bom. Após o acidente que tive no ano passado, levei algum tempo para recuperar a minha confiança. Durante todo o fim de semana pude sentir o carro a ficar cada vez melhor, algo que me ajudou a continuar a construir o meu ritmo. No geral, estou muito feliz, tendo sido muito bom chegar a uma Semi-Final. Agora que estão feitas as 3 primeiras corridas, estou ansioso pelo meio da temporada, por trabalhar mais e tentar alcançar resultados ainda melhores. Mal posso esperar pela visita a Silverstone, uma pista que é nova para todos, mas onde penso que o nosso carro se irá adaptar muito bem.”

 


 

 

CAMPEONATO DE PILOTOS (após 3ª prova de 12)

  1. Johan KRISTOFFERSSON / Volkswagen Polo R – 75 pontos
  2. Sébastien LOEB / PEUGEOT 208 WRX 66
  3. Petter SOLBERG / Volkswagen Polo R – 65
  4. Andreas BAKKERUD / Audi S1 – 61
  5. Timmy HANSEN / PEUGEOT 208 WRX 59

Mattias EKSTRÖM / Audi S1 – 59

  1. Kevin HANSEN / PEUGEOT 208WRX – 26

CAMPEONATO DE EQUIPAS (após 3ª prova de 12)

  1. PSRX Volkswagen Sweden – 140 pontos
  2. Team PEUGEOT Total – 125
  3. EKS Audi Sport – 120
  4. GRX Taneco – 64

 

Scroll To Top